Windows

Como Consertar uma Webcam Mostrando Tela em Branco no Windows

Como Consertar uma Webcam Mostrando Tela em Branco no Windows

Informações do Autor

Vários usuários têm problemas com suas webcams. Este artigo trata-se de quando a câmera estiver mostrando uma tela em branco ao tentar abri-la no “Meu Computador”.

Passos

  1. 1
    Desconecte todos os dispositivo USB.
  2. 2
    Vá ao menu Iniciar e clique em Executar.
  3. 3
    Digite: msconfig
  4. 4
    Clique na aba BOOT.INI.
  5. 5
    Abaixo das Opções de Boot, assinale a caixa /SAFEBOOT.
  6. 6
    Clique em OK, e clique no botão reiniciar.
  7. 7
    Quando o PC reiniciar, clique para continuar trabalhando em modo de segurança.
  8. 8
    Vá ao menu Iniciar e clique em Painel de Controle.
  9. 9
    Duplo clique em Sistema.
  10. 10
    Clique na aba Hardware.
  11. 11
    Clique no botão Gerenciador de Dispositivos.
  12. 12
    Role a lista pra baixo e expanda “Controladores de Barramento Serial “.
  13. 13
    Clique com o botão direito em cada USB Root Hub e selecione Desinstalar.
  14. 14
    Vá ao menu Iniciar e clique em Executar.
  15. 15
    Digite msconfig e pressione Enter.
  16. 16
    Vá na aba BOOT.INI e desmarque /SAFEBOOT.
  17. 17
    Clique em OK, e reinicie o computador.
  18. 18
    Quando o PC reiniciar e voltar ao normal, conecte todos os dispositivos USB que foram removidos anteriormente, um a um, esperando até que o sistema diga “Seu novo hardware foi instalado e está pronto para usar.

Dicas

  • Entenda que a solução não se aplica somente a webcams. Seu fone de ouvido USB pode não funcionar corretamente, e este procedimento irá resolver o problema. Há um erro com as portas USB e como elas recebem os dados. Você precisa reiniciar o(s) USB Root Hub(s) do seu computador. Basicamente, se você estiver tendo falhas com muitos dispositivos USB, siga esses passos.

Avisos

  • Este tutorial é para o Windows XP.
  • Você precisa ter privilégios de administrador no computador.
  • Faça isso por sua conta e risco.

Como Configurar um Segundo Monitor no Windows 10

Como Configurar um Segundo Monitor no Windows 10

Informações do Autor

Este artigo o ensinará a conectar e configurar um segundo monitor em um computador desktop ou notebook com Windows 10. Para tanto, será preciso ao menos uma porta de saída de vídeo livre no computador.

Passos

  1. 1
    Verifique se o computador possui suporte a um segundo monitor. Embora o Windows 10 permita o uso de múltiplas telas, tem todas as placas de vídeo suportam a configuração de mais do que um monitor ao mesmo tempo. Para saber rapidamente se o seu computador desktop ou notebook possui suporte, consulte as conexões de saída de vídeo: [1]

    • Desktop: na parte de trás da torre, procure uma porta de saída de vídeo disponível. Caso a veja ao lado ou acima da porta atualmente em uso pelo monitor primário, então você pode conectar um segundo monitor.
    • Notebook: qualquer notebook com uma porta de saída de vídeo (como HDMI, DisplayPort ou USB-C) tem suporte a um segundo monitor.
  2. 2
    Verifique a conexão necessária para o segundo monitor. A maioria dos dispositivos e monitores modernos usa cabos HDMI ou DisplayPort. Caso seu computador ou monitor seja antigo, procure por uma conexão VGA, que tem um formato de um trapézio colorido.

    • Se você tiver uma conexão de saída disponível suportada pelo seu monitor secundário, é melhor usar um cabo que tenha a mesma conexão em ambas as extremidades.
    • Se o computador usa uma conexão diferente da opção do monitor, você pode comprar cabo (como um USB-C para HDMI) ou unidade (como VGA para HDMI) adaptadora.
  3. 3
    Posicione o segundo monitor. Se quiser estender seu monitor primário para usá-lo como espaço extra, coloque-o à direita da primeira tela.

    • Se quiser duplicar seu monitor primário, não importa o lado em que você o posicionar.
  4. 4
    Conecte o segundo monitor ao computador. Conecte uma das extremidades do cabo (HDMI por exemplo) na saída de vídeo do computador, e a outra na entrada do monitor.

    • Se estiver usando um adaptador, pode ser preciso conectar ambos os cabos no adaptador e/ou ligar o adaptador em uma fonte de energia antes de conectar o monitor ao computador.
  5. 5
    Ligue o monitor secundário. Para fazê-lo, pressione o botão “Ligar”

    .

  6. 6
    Abra o menu “Iniciar”

    . Para fazê-lo, clique no logo do Windows localizado no canto inferior esquerdo do monitor primário.

  7. 7
    Clique em “Configurações”

    no canto inferior esquerdo da janela “Iniciar”.

  8. 8
    Clique em Sistema. Essa opção tem o ícone de um notebook, e está na página “Configurações”.
  9. 9
    Clique na aba Tela no canto superior esquerdo da página.
  10. 10
    Clique na caixa suspensa “Telas múltiplas” no final da página.
  11. 11
    Selecione uma opção de exibição. Na maioria dos casos, será preciso clicar em Estender essas exibições’ para usar o monitor secundário como extensão do primário, gerando assim mais espaço no lado direito da sua área de trabalho. Você também pode selecionar umas as seguintes opções:

    • Duplicar essas exibições: copia o conteúdo da tela primária para a secundária.
    • Exibir apenas em 1: desativa o monitor secundário e exibe o conteúdo da tela apenas no monitor primário.
    • Exibir apenas em 2: desativa o monitor primário e exibe o conteúdo da tela apenas no monitor secundário.
    • Dependendo do monitor secundário, você terá opções extras nesta tela.
  12. 12
    Salve as alterações Clique em Aplicar e depois em Manter alterações quando solicitado. Em seguida, o computador começará a usar a segunda tela como indicado.
  13. 13
    Use o monitor secundário. Caso esteja estendendo sua tela, mover o cursor do mouse para a além da borda do lado direito da tela fará com que ele apareça no segundo visor.

Dicas

  • Realizar uma captura de tela ao usar um monitor secundário vai resultar em uma imagem panorâmica da “Área de Trabalho.”
  • Você também pode usar uma HDTV como monitor secundário.

Avisos

  • Caso seu computador não suporte o uso de um segundo monitor, você não será capaz de usá-lo sem antes instalar uma placa de vídeo nova.
  • Tenha cuidado ao conectar os cabos dos monitores.

Referências

  1. https://www.youtube.com/watch?v=38NPxhujOxo


Como Configurar um PIN Para Desbloqueio no Windows 10

Como Configurar um PIN Para Desbloqueio no Windows 10

Informações do Autor

O Windows 10 oferece a opção de usar um código de quatro dígitos para desbloquear seu dispositivo, junto com uma senha. É um método de restrição seguro, que facilita bastante o procedimento de desbloqueio. [1] Leia esse artigo para aprender a configurar um PIN para o seu aparelho com Windows 10.

Passos

  1. 1
    Abra o menu Iniciar

    no canto esquerdo inferior da tela.

  2. 2
    Clique sobre o ícone do perfil de usuário, à esquerda dentro do menu Iniciar e acima do ícone do Windows Explorer

    .

  3. 3
    Escolha Alterar Configurações da conta no menu suspenso (primeira opção).

    • Caso prefira, entre em “Configurações > Conta > Suas Informações”.
  4. 4
    Escolha Opções de entrada no painel à esquerda.
  5. 5
    Abra a janela de criação do PIN, clicando em Adicionar, na seção “PIN”; após alguns segundos, a janela abrirá.

    • É necessário definir uma senha antes de escolher o PIN. Isso pode ser feito clicando em Adicionar, na seção “Senha”.
  6. 6
    Confirme a senha e continue. Digite a senha atual para desbloquear a conta no Windows; ao terminar, clique em Fazer login, que é o botão azul no canto direito inferior.
  7. 7
    Espere para fazer login; isso pode demorar alguns segundos.
  8. 8
    Configure o PIN. Insira os quatro números na caixa de texto na parte superior da janela que apareceu. Confirme-o digitando o mesmo código no campo “Confirmar PIN”.

    • Clique em “Requisitos de PIN” para saber as regras que devem ser obedecidas para utilizar o código.
    • É importante escolher uma sequência de números que não se esquecerá.
  9. 9
    Clique no botão OK, na parte inferior e à esquerda da janela.
  10. 10
    Pronto! O PIN está configurado.

Materiais Necessários

  • Um computador com o sistema operacional Windows 10

Referências

  1. http://www.techrepublic.com/article/how-to-create-a-pin-in-windows-10/


Como Conferir Se Seu Windows é 32 Bit ou 64 Bit

Como Conferir Se Seu Windows é 32 Bit ou 64 Bit

Escrito em parceria com

Equipe blogwiki

Neste Artigo:Windows 10 e 8Windows 7

Este artigo o ensinará a identificar a arquitetura do sistema operacional Windows de um computador, que geralmente é de 32-bit ou 64-bit.

1

Windows 10 e 8

  1. 1
    Abra o menu “Iniciar”

    no canto inferior esquerdo da tela. Em seguida, a janela “Iniciar” será aberta.

    • Você também pode clicar em Iniciar com o botão direito (ou pressionar as teclas Win+X) e clicar em Sistema no menu pop-up resultante. Neste caso, pule os próximos dois passos.
  2. 2
    Abra a opção “Configurações”

    localizada no canto inferior esquerdo da janela “Iniciar”. Em seguida, a janela “Configurações” será aberta.

  3. 3
    Clique em Sistema. Essa opção tem o ícone de um monitor e está localizada na página “Configurações”.
  4. 4
    Clique em Sobre no canto inferior esquerdo da coluna de opções. Fazê-lo abrirá uma lista com as especificações do computador.
  5. 5
    Procure pelo cabeçalho “Tipo do sistema” próximo à seção “Especificações do dispositivo” perto do final da janela. Você verá o valor “64-bit” ou “32-bit” à direita de “Tipo de sistema”; essa é a arquitetura do seu Windows.

2

Windows 7

  1. 1
    Abra o menu “Iniciar”

    clicando no logo do Windows no canto inferior esquerdo da tela ou pressionando a tecla Win.

  2. 2
    Clique com o botão direito sobre Computador no lado direito da janela “Iniciar”. Fazê-lo vai abrir um menu suspenso.

    • Caso o aplicativo “Meu computador” esteja na área de trabalho, clique nele com o botão direito.
    • Se estiver usando um notebook com um trackpad, toque sobre ele usando dois dedos em vez de clicar com o botão direito.
  3. 3
    Clique em Propriedade perto da parte inferior do menu suspenso.
  4. 4
    Procure pelo cabeçalho “Tipo do sistema” abaixo do cabeçalho “RAM instalada”. Você verá o valor “64-bit” ou “32-bit” à direita de “Tipo de sistema”; essa é a arquitetura do seu Windows.

Dicas

  • Geralmente, é possível determinar a arquitetura do Windows conferindo as especificações do sistema em uma loja ou na internet.
  • Não há problema algum em executar programas de 32-bit em um computador de 64-bit; geralmente, isso é necessário em computadores mais antigos.

Avisos

  • Tentar executar programas de 64-bit em um sistema de 32-bit resulta em erros.


Como Conectar um PC a um Mac

Como Conectar um PC a um Mac

Informações do Autor

Neste Artigo:Criando uma Conexão FísicaConfigurando o WindowsConfigurando o MacReferências

Embora as duas máquinas possuam sistemas operacionais diferentes, é possível conectar um computador com Windows e um Mac e compartilhar arquivos. Você não precisa de equipamentos caros, apenas de um cabo de internet.

Parte 1

Criando uma Conexão Física

  1. 1
    Compre um cabo de internet/rede.
  2. 2
    Conecte o cabo em ambos os computadores.

Parte 2

Configurando o Windows

  1. 1
    Abra uma janela em seu computador.
  2. 2
    Vá até “Grupo doméstico”. No painel de diretórios da lateral esquerda da janela, clique em “Grupo doméstico”.
  3. 3
    Clique em “Criar um grupo doméstico”.
  4. 4
    Confira todos os tipos de arquivo que deseja compartilhar (documentos, imagens, etc) e clique em “Próximo”.
  5. 5
    Lembre-se da senha. Na página seguinte, você receberá uma senha. Anote-a para mais tarde.
  6. 6
    Clique em “Finalizar” quando terminar.

Parte 3

Configurando o Mac

  1. 1
    Clique em “Ir” na barra do menu, no canto superior esquerdo da tela.
  2. 2
    Selecione “Conectar a um servidor”.
  3. 3
    Digite o endereço da rede do seu computador no campo “Endereço do servidor”. Use o seguinte formato:

    • smb://nomeusuario@nomecomputador/nome – exemplo: smb://joao@meupc/usuarios.
    • Caso o formato acima não funcione, é possível usar o IP do Windows: smb://endereçoIP/nomepasta
  4. 4
    Clique no botão “Mais (+)” para adicionar o servidor à lista.
  5. 5
    Clique no endereço adicionado e selecione “Conectar”.
  6. 6
    Insira a senha que você anotou anteriormente. Clique novamente em “Conectar”.
  7. 7
    Abra o “Finder” no Mac. O Windows deverá aparecer no painel da esquerda dentro da seção “Compartilhados”.

Dicas

  • Para obter o nome do seu computador Windows, clique com o botão direito em “Meu Computador” na área de trabalho e selecione “Propriedades”.
  • Você não conseguirá criar um grupo doméstico caso esteja conectado à internet.
  • Caso seu Mac não tenha uma porta de internet, é possível usar um cabo USB-Internet e conectá-lo ao computador com Windows usando o mesmo método.
  • O Windows usado neste artigo é o 7. O processo para criar um grupo doméstico pode ser um pouco diferente em versões mais antigas.

Referências

  • http://support.apple.com/
  • http://support.microsoft.com/

Como Conectar o Windows Vista ao Windows 7

Como Conectar o Windows Vista ao Windows 7

Informações do Autor

Para conectar um PC com Windows Vista a outro com Windows 7 é necessário fazer uma configuração manual da rede. Para tal, é necessário usar um comutador ou roteador, além dois cabos de rede ethernet para conectar os dois computadores ao roteador. Para saber mais, vá para o passo 1.

Passos

  1. 1
    Instale o seu roteador.

    • Veja se a fonte de alimentação está ligada ao seu roteador.
    • Conecte a linha DSL em sua respectiva abertura, que fica na parte de trás do roteador. Se você não souber ao certo como proceder, consulte o manual de usuário do produto.
    • A luz indicadora “Internet” deverá estar piscando.
  2. 2
    Ligue os computadores com os Windows Vista e 7 ao roteador. Para tal, use os dois cabos de rede ethernet.
  3. 3
    Confira se o “Compartilhamento de Arquivos e Impressoras” está ativado.

    • Vá para “conexões de rede”, em ambos os computadores, e clique com o botão direito do mouse na sua rede e, em seguida, em “propriedades”.
    • As opções dos protocolos de “Compartilhamento de arquivos e impressoras para redes Microsoft” e “Cliente para redes Microsoft” deverão estar ativadas.
    • Para acessar as conexões de rede:
      • No Vista: abra o “Centro de Redes e Compartilhamento”. Clique em “Gerenciar Conexões de Rede” e depois com o botão direito do mouse na conexão. Escolha a opção “propriedades”.
      • No Windows 7: abra o “Centro de Redes e Compartilhamento” e, em “Redes Ativas”, clique no link com o nome da rede. Clique então no botão “Propriedades”, que se localiza na janela do status da conexão.
  4. 4
    Desative a interface do assistente de compartilhamento de arquivos (ou o compartilhamento simples de arquivos). Isso deve ser feito nos dois computadores.

    • Vá para “Meu computador”.
    • Clique em “Ferramentas” e vá às opções “Pastas”.
    • Desça e desative “Usar o assistente de compartilhamento”.
    • Clique em OK.
  5. 5
    Vá para “Rede”.

    • Vá para o menu Iniciar e digite “rede” no campo de pesquisa.
    • Clique na ferramenta Rede.
    • Escolha, na lista, o outro computador e compartilhe arquivos entre ambos.

Como Conectar Dois Monitores a um Computador

Como Conectar Dois Monitores a um Computador

Informações do Autor

Neste Artigo:Conectando um segundo monitor no WindowsMac OS XReferências

Leia este artigo para saber como conectar um segundo monitor ao notebook ou desktop. É possível fazer isso tanto no Windows quanto no Mac, mas verifique se o sistema possui suporte para vários dispositivos de exibição ao mesmo tempo.

1

Conectando um segundo monitor no Windows

  1. 1
    Verifique se o computador possui suporte a vários monitores. Normalmente, os notebooks aceitarão que outro “display” seja conectado, mas em desktops, pode haver problemas:

    • Notebook: em notebooks com ao menos uma saída de vídeo, você poderá conectar um segundo monitor.
    • Desktop: o computador deverá ter ao menos duas saídas de vídeo; uma para conectar o monitor primário, e outra para o secundário. Elas não precisam ser do mesmo tipo, apenas da mesma placa de vídeo, o que significa que, se você possuir duas placas, ambos os monitores deverão ser conectados na mesma.
  2. 2
    Identifique a saída de vídeo do computador. Elas ficam localizadas nas laterais de notebooks, e em desktops, na parte traseira do gabinete (ao lado da saída do monitor primário). Algumas das mais comuns são:

    • HDMI: uma saída parecida com um trapézio, comprida em cima e um pouco menor embaixo.
    • DisplayPort: lembra um conector retangular, com as laterais mais frisadas.
    • USB-C: uma saída fina e oval.
    • VGA: também semelhante a um trapézio, com vários “furinhos”. As entradas VGA não são muito comuns em computadores após 2012, mas talvez seja necessário utilizá-las se o computador for novo, e o monitor, antigo (ou vice-versa).
  3. 3
    Descubra a entrada de vídeo do monitor. Os mais novos deverão ter uma HDMI ou DisplayPort, enquanto outros terão também a VGA.

    • Se o monitor em questão for muito antigo, talvez haja uma entrada DVI na parte traseira do segundo. Eles são parecidos com retângulos brancos com vários buracos juntos, e uma seção com buracos separados (essa parte não está em todas as entradas).
  4. 4
    Compre um cabo para conectar o monitor ao computador. Caso não tenha um cabo para ligar um ao outro (HDMI, por exemplo), procure em uma loja e adquira um.

    • Quando o computador e o monitor possuírem uma entrada em comum (HDMI, por exemplo), é mais fácil e barato comprar um cabo que possa ser utilizado para conectá-los, mesmo se um que permita alta definição esteja disponível.
    • Nos casos em que a entrada do monitor não corresponder à saída do computador (VGA no monitor e HDMI no computador, como exemplo), você deverá adquirir um adaptador.
    • Há certas combinações (como HDMI para DisplayPort) que podem ser compradas em forma de cabos, sem a necessidade de adaptadores.
  5. 5
    Conecte uma ponta do cabo no computador. Procure a saída de vídeo e encaixe-a.

    • Lembre-se de que a saída de vídeo precisa ser parte da mesma placa de vídeo utilizada pelo monitor primário.
  6. 6
    Conecte a outra ponta do cabo no monitor, encaixando na entrada correspondente na parte traseira do monitor.

    • Ao utilizar um adaptador, conecte uma ponta do cabo nele e depois no monitor.
  7. 7
    Ligue o monitor. Se ele ainda não estiver em uma fonte de energia, use o cabo correspondente para conectá-lo na tomada; depois, pressione o botão para ligá-lo.

    • Dependendo do seu computador, a “Área de Trabalho” do sistema poderá aparecer automaticamente no segundo monitor ao ligá-lo.
  8. 8
    Abra o menu “Iniciar” clicando no logo do Windows

    no canto esquerdo inferior da tela.

  9. 9
    Entre em “Configurações”, a seção em forma de engrenagem

    no canto inferior esquerdo do “Iniciar”.

  10. 10
    Clique em Sistema, o ícone de uma tela no canto esquerdo superior da tela.
  11. 11
    Encontre a guia Vídeo, à esquerda. Ela pode já estar aberta ao acessar “Sistema”.
  12. 12
    Desça a tela e clique em “Vários vídeos”, na seção “Vários monitores”, quase ao fim dessa página. Um menu suspenso será exibido.
  13. 13
    Escolha uma opção de exibição. Dependendo do que deseja que o segundo monitor faça, clique em uma das alternativas abaixo:

    • Duplicar esses vídeos: copia tudo que está no “display” principal do computador ao segundo.
    • Estender esses vídeos: cria uma extensão da Área de Trabalho no segundo monitor. Basicamente, o usuário terá mais espaço para trabalhar.
    • Mostrar somente em 1: o segundo monitor ficará apagado e o conteúdo será exibido exclusivamente no primeiro.
    • Mostrar somente em 2: o primeiro monitor ficará apagado e o conteúdo será exibido exclusivamente no segundo.
    • Dependendo do computador, mais opções poderão aparecer aqui.

2

Mac OS X

  1. 1
    Saiba em quais Macs você possa utilizar um monitor a mais. Todos eles possuem suporte a um monitor a mais; no entanto, certos modelos apresentarão apenas uma saída disponível para compartilhar entre carregamento, transferência de arquivos e monitores externos. Caso possua um MacBook com somente uma saída, observe se ele está totalmente carregado e desconectado de periféricos (pendrives ou HD externos, por exemplo) antes de tentar ligá-lo a um monitor.
  2. 2
    Encontre a saída de vídeo do Mac. Ela é diferente de acordo com o modelo do computador, que poderá apresentar uma (ou mais) saídas na lateral (MacBook e MacBook Pro) ou na parte traseira (iMac):

    • USB-C (Thunderbolt 3): saída no formato oval. MacBooks e MacBooks Pro, bem como os iMacs, terão de uma a quatro.
    • Thunderbolt 2: presente nos modelos mais antigos, é uma saída quadrada.
    • HDMI: saída com a parte superior achatada e extensa, e a inferior menor. Também encontrada nos Macs mais antigos.
  3. 3
    Encontre a entrada de vídeo do monitor. Hoje em dia, elas devem ser DisplayPort ou HDMI, mas há alguns que terão a do tipo VGA.

    • Em monitores bem antigos, pode haver uma entrada DVI na parte de trás. Ela é parecida com retângulos brancos e vários buracos juntos, com uma seção de buracos separados (essa parte não está em todas as entradas)
  4. 4
    Compre um cabo para conectar o monitor ao computador, se for preciso. Adquira um em lojas de informática para ligar um ao outro, como um HDMI, por exemplo.

    • Quando o Mac e o monitor tiverem uma conexão em comum (como HDMI), será mais fácil e barato comprar um cabo que possa ser encaixado em ambos, mesmo quando houver uma opção de alta definição disponível.
    • Se a entrada do monitor não corresponde à saída do Mac (VGA e HDMI, por exemplo), será preciso comprar um adaptador.
    • Há certas combinações (como HDMI para DisplayPort) que podem ser compradas em forma de cabos, sem a necessidade de adaptadores.
  5. 5
    Insira uma ponta do cabo na saída de vídeo do Mac.
  6. 6
    Pegue a outra ponta e conecte ao monitor (na parte traseira).

    • Ao utilizar um adaptador, conecte-o a uma das pontas para que possa realizar a ligação entre monitor e computador.
  7. 7
    Ligue o monitor. Insira o cabo de energia na tomada (se ele ainda estiver fora) e pressione o botão de energia do monitor para ativá-lo.

    • Dependendo do computador, a Área de Trabalho dele já será replicada assim que o segundo monitor for ligado.
  8. 8
    Abra o menu Apple clicando no logo da empresa

    no canto esquerdo superior da tela. Um menu suspenso aparecerá.

  9. 9
    Clique em Preferências do Sistema…, a opção no menu suspenso. Você acessará a seção “Preferências do Sistema.
  10. 10
    Aqui, procure por Monitores, embaixo do ícone de uma tela. Uma janela pop-up será exibida.
  11. 11
    Clique na guia Organização, na parte de cima da janela.
  12. 12
    Estenda a “Área de Trabalho” para o segundo monitor. Desmarque “Monitores Espelhados”, mais abaixo, para que ele sirva como uma Área de Trabalho maior para o Mac.[1]

    • Caso queira que o segundo monitor apenas espelhe o principal, pule este Passo.

Dicas

  • Geralmente, é mais barato comprar os cabos na internet do que nas lojas.
  • Ao utilizar um segundo monitor para estender o primário, leve o ponteiro do mouse à extremidade direita do primeiro para que ele passe ao segundo.
  • Você pode acessar as configurações de video no windows apertando a win+p

Avisos

  • Se o computador não aceitar mais do que um monitor, será preciso instalar uma placa de vídeo com, no mínimo, duas saídas, para usar mais exibições.

Referências

  1. https://support.apple.com/en-us/ht202351


Como Comprimir Arquivos no Windows

Como Comprimir Arquivos no Windows

Informações do Autor

Você tem um pen drive de 4 GB, e o jogo que você precisa guardar nele ocupa 4.2 GB! E agora, o que fazer? Aqui nós ensinamos como comprimir os arquivos usando Winrar ou Winzip!

Passos

  1. 1
    Baixe a versão teste Winzip ou Winrar ou compre os programas.
  2. 2
    Instale Winzip/Winrar.
  3. 3
    Clique com o botão direito nos arquivos que você quer comprimir e clique em “Adicionar para o Arquivo”.
  4. 4
    Escolha o tipo de arquivo que você quer salvar, o lugar de destino e clique em OK.
  5. 5
    Para descomprir o arquivo, faça o seguinte:

    • Clique com o botão direito no arquivo.
    • Clique em “Extrair Aqui”.

Dicas

  • Você deve ter winrar o winzip instalados para extrair os arquivos comprimidos.
  • Tente procurar downloads do winrar/winzip na internet. (Lembrando que isso é ILEGAL)

Materiais Necessários

  • WinZip ou WinRar Software.

Como Comprar Múltiplas Licenças do Windows

Como Comprar Múltiplas Licenças do Windows

Informações do Autor

Neste Artigo:Novos clientesClientes existentesReferências

Se você comprar o Microsoft Windows de um grande varejista, como uma loja de materiais para escritório, essa versão normalmente virá com uma única licença para uso. Se precisar usar o Windows em vários computadores, é possível comprar várias cópias da versão de licença única, mas isso sai caro. Em vez disso, você pode comprar um licenciamento por volume que permite instalar o Windows em cinco ou mais computadores. O licenciamento por volume só está disponível por meio da Microsoft ou de revendedores autorizados.

1

Novos clientes

  1. 1
    Navegue até o website de Licenciamento por Volume da Microsoft em www.microsoft.com/pt-br/licenciamento.
  2. 2
    Clique em “Como comprar” e selecione “Visão Geral”.
  3. 3
    Ligue para a Microsoft em 0800 7617454 ou clique em “encontre um revendedor autorizado” e insira sua cidade, estado e CEP para encontrar um revendedor perto de você.

    • A linha de atendimento ao cliente da Microsoft ou do distribuidor autorizado poderá informar como comprar múltiplas licenças do Windows.

2

Clientes existentes

  1. 1
    Navegue até o website de Licenciamento por Volume da Microsoft em www.microsoft.com/pt-br/licenciamento.
  2. 2
    Clique em “Clientes existentes” e selecione “Ativação por Volume e Chaves de Produto” se você tiver um convite para o Volume Licensing Service Center (VLSC) ou se já tiver uma licença por volume em outro produto da Microsoft.
  3. 3
    Role até “1. Encontre os Produtos” no fim da página. Insira sua versão do Windows no campo “Pesquise seu(s) produto (s)” e clique na seta.

    • A página seguinte mostrará as Chaves de Licença por Volume disponíveis para a sua versão do Windows.
  4. 4
    Role até o canto superior direito da página e clique em “Volume Licensing Service Center” (Centro de Atendimento de Licenciamento por Volume) sob “Links Rápidos”.
  5. 5
    Clique em “Registre-se” e insira seu Windows Live ID e senha.

    • Se você não tiver uma conta da Microsoft, clique em “Inscreva-se já” e siga as instruções na tela para criar um ID.
  6. 6
    Insira seu endereço de e-mail profissional.

    • Se você recebeu um convite para o VLSC, use o endereço no convite.
    • Caso contrário, use o endereço de e-mail como o nome da empresa em seu contrato de licenciamento por volume existente.
    • A Microsoft enviará um e-mail de verificação. Vá para a sua caixa de entrada, abra a mensagem e siga as instruções para verificar o seu endereço.
  7. 7
    Vá para a página que lista as licenças abertas. Selecione a opção de adicionar uma licença por volume.
  8. 8
    Siga as instruções na tela para adquirir uma licença para a sua versão do Windows.

Dicas

  • Versões mais antigas do Windows, como o Windows 98 ou Windows 2000 Server, não são mais suportadas pela Microsoft e podem não ter licenças disponíveis. Se a sua versão do Windows for mais antiga do que o Windows Vista ou se a sua versão de servidor for anterior à de 2008, entre em contato com a Microsoft no telefone 0800 7617454 para obter assistência.

Referências

  • http://www.microsoft.com/licensing/
  • http://www.microsoft.com/licensing/how-to-buy/default.aspx
  • http://www.microsoft.com/licensing/existing-customers/product-activation.aspx

Como Compartilhar sua Conexão de Internet no Windows 8 e Acima

Como Compartilhar sua Conexão de Internet no Windows 8 e Acima

Informações do Autor

Se você usa o Windows e acabou de atualizar o seu Windows 7, perceberá que o Windows 8 não possui a opção ad-hoc, que permite compartilhar sua internet. Com poucas alterações em algumas etapas, é possível habilitar o compartilhamento da conexão de internet com facilidade usando o Prompt de Comando.

Passos

  1. 1
    Verifique se você está conectado com uma conta de Administrador. Para garantir, clique com o botão direito no canto inferior direito da tela e clique em “Painel de Controle”. Clique em “Contas de Usuário” e então em “Gerenciar outra conta”. Você verá as contas disponíveis e o nível de acesso (Administrador, usuário padrão, etc).

    • Se por qualquer motivo você não sabe a conta conectada, abra a página principal de “Contas de Usuário” onde o usuário atual estará no lado direito.
  2. 2
    Abra o Prompt de Comando com privilégios de administrador. Para isso, mova o cursor para o canto inferior da tela e clique com o botão direito. Selecione “Prompt de Comando (Admin)”. Outra forma de fazer isso é ir até a tela “Iniciar”, digitar “CMD”, clicar com o botão direito sobre ele e executar como administrador.
  3. 3
    Defina os comandos. Digite os comandos a seguir e pressione “Enter” depois de cada um.

    • netsh
    • wlan
    • set hostednetwork mode=allow
    • set hostednetwork ssid= ”nome da rede”
    • set hostednetwork key= “senha, com pelo menos 8 caracteres”
    • start hostednetwork
  4. 4
    Acesse o Painel de Controle. Lá, clique em “Central de Rede e Compartilhamento” e, na esquerda, selecione “Alterar configurações do adaptador”.
  5. 5
    Selecione o adaptador que deseja compartilhar. Ele deve ser o que está atualmente conectado à internet. Clique com o botão direito sobre ele e vá até “Propriedades”.
  6. 6
    Selecione a aba “Compartilhamento”. Depois, marque a opção que diz “Permitir que outros usuários da rede se conectem pela conexão deste computador à Internet”.
  7. 7
    Selecione a rede que acabou de criar. Ela pode ser chamada de “Conexão Local * 2” ou algo assim. Ao finalizar, clique em “OK”. Você acaba de iniciar o compartilhamento da sua conexão de internet.

Dicas

  • Também é possível usar programas para fazer isso, como o Connectify.

Como Colocar Senha no Seu Computador

Como Colocar Senha no Seu Computador

Informações do Autor

Quer proteger seu computador dos colegas de quarto, pais, ou irmãos? Aprenda como adicionar uma senha para fazê-lo!

Passos

  1. 1
    Abra o Painel de Controle.
  2. 2
    Abra Contas de Usuário.
  3. 3
    Faça uma nova conta ou, se a existente for sua, pule este passo.
  4. 4
    Clique em sua conta.
  5. 5
    Clique em Mudar Senha.
  6. 6
    Escolha uma senha difícil, que não possa ser adivinhada.
  7. 7
    Confirme a mesma.
  8. 8
    Clique em OK.


Como Capturar a Tela no Windows (Screenshot)

Como Capturar a Tela no Windows (Screenshot)

Escrito em parceria com

Equipe blogwiki

Neste Artigo:Capturando a tela inteira nos Windows 8 e 10Capturando a tela inteira em qualquer computador com WindowsFazendo a captura de uma janela específicaUsando a Ferramenta de CapturaUsando o atalho da Ferramenta de CapturaCapturando várias janelas em sequênciaUsando tablets com o WindowsReferências

Este artigo foi feito para quem quer aprender a fazer uma captura de tela em um computador com Windows. Se o seu computador opera com o Windows 8 ou 10, você pode usar um atalho do teclado para fazer e salvar a captura automaticamente. Além disso, os usuários de todas as versões do sistema operacional têm a opção de usar a tecla “Print Screen”. Há também outros métodos eficazes, como a ferramenta de Captura (para quem quer personalizar a imagem) e os botões físicos do Windows (no caso dos tablets).

1

Capturando a tela inteira nos Windows 8 e 10

  1. 1
    Acesse a tela que deseja capturar. Antes de fazer a captura, você deve acessar a página desejada e fechar as distrações (como programas e outras telas que estejam abertas).
  2. 2
    Encontre a tecla Print Screen do teclado. Ela costuma ficar no lado superior direito do teclado principal (tirando o numérico, se é que há um) e pode estar combinada com a tecla “SysReq” (“Requisitos do Sistema”, em inglês).

    • A tecla “Print Screen” pode estar abreviada como “PrtSc” ou algo do tipo.
  3. 3
    Pressione as teclas Win e Print Screen ao mesmo tempo. Assim, você vai capturar a tela que está aberta no computador. Em muitos casos, ela pode piscar por um momento.

    • A tela não vai piscar se determinadas configurações de brilho estiverem ativadas. Isso é mais comum em computadores antigos que rodam com o Windows 10.
    • Se não conseguir encontrar a captura, pressione Ctrl+ Win+ Print Screen ou Fn+ Win+ Print Screen.
  4. 4
    Encontre a tela capturada. Ela vai ser salva na pasta “Capturas de Tela”, que fica dentro da pasta “Imagens”. Cada captura recebe o nome “Captura de tela (número)” para que tudo fique em ordem.

    • Por exemplo: a primeira captura que fizer vai ser salva como “Captura de tela (1)”.

2

Capturando a tela inteira em qualquer computador com Windows

  1. 1
    Acesse a tela que deseja capturar. Antes de fazer a captura, você deve acessar a página desejada e fechar as distrações (como programas e outras telas que estejam abertas).
  2. 2
    Pressione a tecla Print Screen. Geralmente, ela fica no canto superior direito do teclado, ao lado das teclas “Function” (como “F12”), e captura tudo o que está em exibição.

    • A tecla “Print Screen” também pode ser chamada de “PrtSc” ou algo do tipo.
    • Se o teclado do computador tem a tecla Fn no lado inferior esquerdo, você pode ter que pressioná-la ao mesmo tempo que Print Screen.
  3. 3
    Abra o Paint. O programa vem instalado em todos os computadores com Windows. Para abri-lo, faça o seguinte:

    • Abra o Iniciar

      .

      • No Windows 8, abra Pesquisar.
    • Clique na barra de pesquisa, na parte inferior do Iniciar.
    • Digite paint.
    • Clique em Paint no topo do Iniciar.
      • No Windows 8, o Paint aparece na lista de resultados de pesquisa.
    • Se você usa o Windows XP, abra o Iniciar e clique em Programas, Acessórios e Paint.
  4. 4
    Cole a captura de tela no Paint. Pressione Ctrl+V quando o editor de imagens abrir para colar o arquivo. Ele vai aparecer na tela do programa.
  5. 5
    Salve a captura de tela. Pressione Ctrl+S e digite um nome para a captura, escolha a pasta de destino (do lado esquerdo da janela) e clique em Salvar.

    • Você pode mudar o tipo de arquivo da captura. Clique em Salvar como, na parte inferior da janela, e escolha um formato diferente (como “JPEG”) no menu suspenso.
    • Os formatos de arquivos mais comuns são JPG e PNG. PNG é a opção mais recomendada para capturas de tela, já que tem alta qualidade e é leve.

3

Fazendo a captura de uma janela específica

  1. 1
    Clique na janela da tela que você quer capturar. A função “One-Window” captura a janela que está “ativa” na tela, ou seja, a que está na frente de todas as outras.
  2. 2
    Pressione Alt e PrtScr. Assim, você vai copiar a imagem da janela para a área de transferência. As dimensões do arquivo vão depender do tamanho da janela em si.[1]

    • O computador não confirma se fez ou não a captura de tela.
  3. 3
    Abra o Paint. O programa vem instalado em todos os computadores com Windows. Para abri-lo, faça o seguinte:

    • Abra o Iniciar

      .

      • No Windows 8, abra Pesquisar.
    • Clique na barra de pesquisa, na parte inferior do Iniciar.
    • Digite paint.
    • Clique em Paint no topo do Iniciar.
      • No Windows 8, o Paint vai aparecer na lista de resultados de pesquisa.
    • Se você usa o Windows XP, abra o Iniciar e clique em Programas, Acessórios e Paint.
  4. 4
    Cole a captura de tela no Paint. Pressione Ctrl+V quando o editor de imagens abrir para colar o arquivo. Ele vai aparecer na tela do programa.

    • Você também pode colar a captura em outros programas, como o Word, ou até no corpo de um serviço de e-mail. Basta abrir o software em questão e pressionar Ctrl+V.
  5. 5
    Salve a captura de tela como arquivo de imagem. Clique em Arquivo e Salvar; depois, digite um nome para a captura e selecione o local de destino (no lado esquerdo da tela); por fim, clique em Salvar de novo.

    • Você pode mudar o tipo de arquivo da captura. Clique em Salvar como, na parte inferior da janela, e escolha um formato diferente (como “JPEG”) no menu suspenso.
    • Os formatos de arquivos mais comuns são JPG e PNG. PNG é a opção mais recomendada para capturas de tela, já que tem alta qualidade e é leve.

4

Usando a Ferramenta de Captura

  1. 1
    Abra a Ferramenta de Captura. Ela está disponível nos Windows 7, 8 e 10, exceto nos pacotes Starter e Basic e no Windows XP.[2]

    • Nos Windows Vista e 7, abra o Iniciar e clique em Todos os Programas e Acessórios e clique em Ferramenta de Captura a partir da lista.
    • No Windows 8, digite ferramenta de captura na tela do Iniciar e clique no programa a partir dos resultados.
    • No Windows 10, abra o Iniciar

      , digite ferramenta de captura e clique no programa na lista de resultados.

  2. 2
    Escolha o formato da captura. A opção básica é a “Captura Retangular”. Clique na seta que fica ao lado de “Modo” para trocar a forma:

    • Recorte de Formato Livre: para desenhar qualquer forma com o mouse. Toda a área interna a ele vai ser capturada.
    • Captura Retangular: para selecionar uma área retangular para a captura.
    • Captura de Janela: para escolher uma das janelas para capturar.
    • Recorte de Tela Cheia: para capturar toda a tela, incluindo as janelas (exceto a “Ferramenta de Captura” em si).
  3. 3
    Ajuste as extremidades da captura. Toda captura fica com uma margem vermelha, mas você pode desativar ou mudar essa configuração. Para isso, clique na guia Ferramentas, no lado superior esquerdo do programa; depois, clique em Opções no menu suspenso; e desmarque a opção ao lado de “Mostrar tinta da seleção após captura de recortes”. Assim, a margem vai sumir.
  4. 4
    Crie uma nova captura. Clique no botão Novo para começar a seleção. A tela vai ficar levemente translúcida enquanto você seleciona a área ou janela da captura. Solte o mouse quando estiver satisfeito.

    • Se ativou a opção Recorte de Tela Cheia, a captura vai aparecer automaticamente depois de clicar em Novo.
  5. 5
    Faça anotações na captura. A imagem vai abrir em uma nova janela. Nesse ponto, você pode usar a ferramenta “Caneta” para fazer desenhos e anotações no arquivo, bem como usar a opção “Destacar”.

    • A ferramenta “Borracha” só apaga as anotações, não a captura em si.
  6. 6
    Salve a captura. Clique no ícone do disquete para abrir a caixa de diálogo. Digite um nome para o arquivo e, se quiser, troque a opção “Salvar como”. Por fim, você pode enviar a captura por e-mail ou para um site da internet.

    • PNG é o formato padrão para os Windows 7 e 8. Ele é leve e tem uma boa qualidade e, por isso, é ideal para as capturas de tela.
    • JPG ou JPEG são os formatos padrões para o Windows Vista. Neles, a imagem perde um pouco de qualidade e cores. Por isso, essas opções são ideais para fotografias, não para capturas de tela.
    • GIF não é ideal para reproduzir imagens coloridas, mas sim imagens animadas, como gráficos e logotipos com áreas com cores sólidas — já que gera bordas bem definidas entre cada tom diferente.
  7. 7
    Copie a captura. A captura é salva na área de transferência automaticamente e, assim, você pode colá-la no Paint ou no Word, como se fosse uma imagem normal. No Paint, também dá para editar mais o arquivo do que no programa em si.

    • Para colar a captura, abra a janela de um programa que suporte o formato e pressione Ctrl+V.

5

Usando o atalho da Ferramenta de Captura

  1. 1
    Acesse a página que deseja capturar. Abra o programa ou a tela e minimize tudo o que não pode aparecer no arquivo final.
  2. 2
    Pressione Win+ Shift+S. Assim, a tela vai ficar com um tom cinza claro e o mouse vai se transformar em um símbolo de mira.
  3. 3
    Selecione a área desejada. Clique e arraste o mouse do canto superior esquerdo da área de captura ao canto inferior direito.

    • Por exemplo: para capturar a tela inteira, clique e arraste o mouse do canto superior esquerdo da tela ao canto inferior direito.
  4. 4
    Solte o botão do mouse. Ao soltar, você vai fazer a captura da área selecionada e salvá-la na área de transferência. A partir de então, cole-a em qualquer programa que aceite o recurso.
  5. 5
    Cole a captura de tela em um programa de edição. Use qualquer programa que tenha suporte ao recurso de colagem (como o Paint, o Word etc.) e pressione Ctrl+V para colar o arquivo final.

    • Você pode pressionar Ctrl+S para salvar a captura de tela. Escolha o nome e o local de destino e clique em Salvar.
    • Você também pode colar as fotos em serviços on-line, como provedores de e-mail.

6

Capturando várias janelas em sequência

  1. 1
    Entenda como funciona o processo. Quase todas as versões do Windows trazem o programa “PSR.exe”, com o qual dá para gravar até 100 imagens diferentes e salvar tudo em um mesmo documento. Além disso, o programa também registra os pontos em que o usuário clica e que ações ele faz em cada tela.
  2. 2
    Acesse a página inicial que deseja capturar. Abra a primeira página da sequência completa.
  3. 3
    Abra o menu Iniciar

    . Clique no ícone do Windows, que fica no canto inferior esquerdo da tela, para abrir o menu.

  4. 4
    Abra o Executar. Digite run e clique em Executar, no topo do menu.
  5. 5
    Digite o comando para abrir o PSR. Digite psr.exe na janela do Executar.
  6. 6
    Clique em OK. O botão fica na parte inferior da janela do Executar e leva a uma barra de ferramentas retangular e pequena no topo da tela.
  7. 7
    Clique em Iniciar Gravação. A opção fica no topo da barra de ferramentas e ativa o Gravador de Passos, que grava os 25 toques seguintes na tela.

    • Se quiser gravar mais de 25 telas, clique no ícone

      , no lado direito da barra de ferramentas, em Configurações… e mude o número em “Número de capturas de tela recentes para armazenar”.

  8. 8
    Clique nas várias telas diferentes. O Gravador de Passos vai fazer uma captura toda vez que você trocar de tela (exceto quando só mexer o mouse).
  9. 9
    Clique em Encerrar Gravação. A opção fica na parte superior da barra de ferramentas e interrompe o processo de gravação, além de abrir a página de resultados.
  10. 10
    Veja se as capturas estão corretas. Role a janela para baixo para ver se você capturou todas as telas que queria.
  11. 11
    Salve as capturas de tela em uma pasta compactada. Clique em Salvar, no topo da janela. Digite um nome para o arquivo, escolha o local de destino e clique em Salvar outra vez.

    • Esse processo vai salvar as capturas de tela como um arquivo HTML, que você pode abrir no navegador de internet do seu computador.

7

Usando tablets com o Windows

  1. 1
    Acesse a tela que deseja capturar. Antes de fazer a captura, você tem que acessar a página em questão e fechar as distrações (como programas e outras telas que estejam abertas).
  2. 2
    Mantenha o logotipo do Windows pressionado. Ele fica na parte inferior do tablet — e não é o mesmo que o botão Windows da área de trabalho.

    • Se você não encontrar o botão do Windows, pressione o de energia.
  3. 3
    Pressione o botão de abaixar o volume (ou de aumentar, se você também apertar o botão de energia). A tela vai piscar para indicar a captura.

    • A captura vai ser salva na pasta Capturas de Tela. Para acessá-la, abra o explorador de arquivos e clique em ImagensCapturas de Tela.

Dicas

  • Se usa o Microsoft OneNote, você pode pressionar Win+S para ativar a opção de fazer uma captura retangular da tela. Assim, ela vai ser salva no próprio programa. Isso funciona até no Windows XP, que não tem a Ferramenta de Captura.
  • Nos teclados de notebooks, a tecla PrtScr pode vir junto de outra — ou seja, você vai ter que pressionar Fn ou “Function” para acessar a opção. Ela costuma ficar na parte inferior do teclado.
  • Se você vai publicar a captura em um site, veja se o arquivo não passa do tamanho permitido.
  • A Ferramenta de Captura do Windows não vem instalada com todas as edições do sistema operacional. Se a sua versão do Windows não inclui a Ferramenta de Captura, use esta versão alternativa (em inglês).

Avisos

  • Dependendo do formato que você escolher (como bitmap), a captura pode ficar bem pesada. Por isso, tente usar somente PNG ou JPEG.
  • As capturas de tela podem não mostrar certos detalhes, como o arquivo sendo tocado no Windows Media Player.
  • A maioria das capturas de tela não inclui o cursor do mouse.

Referências

  1. http://www.java.com/en/download/faq/screenshot.xml
  2. http://windows.microsoft.com/en-us/windows-8/use-snipping-tool-capture-screen-shots