Vender

Tudo o que você precisa saber sobre as criptomoedas.

Inicialmente saudada como uma tecnologia rebelde que iria derrubar as instituições financeiras do mundo e libertar as pessoas das taxas e controles onerosos do sistema bancário, as criptomoedas já foram prejudicadas e tiveram a sua reputação manchada pela atividade criminosa e pela especulação do mercado. 

E enquanto todo mundo já ouviu falar de nomes de criptografia como o Bitcoin, poucas pessoas entendem os fundamentos de como as criptomoedas realmente funcionam – especialmente no contexto de finanças pessoais. 

De acordo com o estudo elaborado pela empresa de segurança digital Kaspersky, apenas 13% dos brasileiros entendem como funciona a tecnologia das Criptomoedas. Por isso aqui está boa parte do que você precisa saber para conhecer mais sobre as moedas virtuais e saber se você tem o perfil para investir nesse mercado.

O QUE É CRIPTOMOEDA?

Criptomoeda é basicamente uma forma digital de manter e transferir valores online. Você pode comprar fichas ou moedas de criptomoeda on-line (com um cartão de crédito ou dinheiro “tradicional”), e normalmente não há uma pessoa ou banco que controle uma criptomoeda específica. 

Existem dezenas de diferentes criptomoedas disponíveis on-line, as maiores e mais conhecidas são o Bitcoin ou Ethereum.

O valor de qualquer criptomoeda em qualquer momento depende da oferta e da demanda. Geralmente, há uma quantia fixa de qualquer moeda disponível a qualquer momento, então quanto mais pessoas quiserem usá-la, maior será o preço. 

No final de 2018, por exemplo, o preço de um único Bitcoin subiu para cerca de US $ 20 mil e depois caiu para cerca de US $ 4 mil. A oscilação de preço das criptomoedas é algo muito frequente.

COMO POSSO OBTER MOEDAS CRIPTOGRAFADAS?

É relativamente fácil comprar a maioria das criptomoedas – e consideravelmente mais difícil descarregá-las ou vende-las.

Sites como o CoinBase são bolsas onde você pode comprar uma variedade de moedas digitais. Há também aplicativos chamados carteiras digitais que permitem que você mantenha criptomoedas e envie fundos para outras pessoas com relativa facilidade. 

Com essa carteira, as chaves privadas (que representam propriedade) são armazenadas diretamente no seu dispositivo.

COMO EU GASTO MOEDAS CRIPTOGRAFADAS?

Comprar com Criptomoedas
Comprar com Criptomoedas

Se você tiver sua própria carteira com sua própria chave e fechadura digital, poderá “enviar” fundos digitais para qualquer pessoa que tenha uma carteira digital. Para fazer isso, a maioria das pessoas tende a usar cofres on-line, como os fornecidos pela Coinbase

O processo é muito semelhante aos serviços online tradicionais: você simplesmente insere a quantia de dinheiro que deseja enviar e a empresa ou pessoa que deseja pagar.

Alguns fornecedores aceitam criptomoedas. A Microsoft permitirá que você adicione o Bitcoin à sua conta online usando sua carteira digital, por exemplo. E há uma lista crescente de coisas que você pode comprar com criptomoeda, incluindo desde artigos de arte até imóveis. 

Em muitos casos, a adoção de pagamentos com criptomoedas tem sido mais uma jogada de marketing do que uma prática financeira corriqueira, mas a a medida que mais empresas aceitam as criptomoedas mais relevantes se tornam e atraem novos usuários.

No lado negativo, você deve estar ciente de que a maioria dos estabelecimentos que aceitam a criptomoeda também impõe restrições e limitações significativas a ela. Em primeiro lugar, a maioria aceita apenas as criptomoedas principais, Bitcoin e Ethereum

Segundo, você pode não conseguir usar o crédito para todos os serviço. Por exemplo, a Microsoft permitirá que você use o Bitcoin para comprar jogos, filmes e aplicativos em lojas do Windows e do Xbox – mas não pode usá-lo na loja online da Microsoft ou comprar vales-presente com ele.

EXISTEM TAXAS OCULTAS?

Claro que existem! A maioria das bolsas independentes e de startups que compram e vendem criptomoedas também cobram uma taxa pelo serviço. E, como corretores de ações reais, eles fazem você ir e vir, sempre que comprar ou vender uma moeda. 

As taxas são geralmente uma porcentagem do depósito total ou pagamento. No entanto, mesmo que você tenha que pagar 1,5% do total, é muito menos do que alguns outros serviços convencionais. O Paypal, por exemplo, normalmente cobra cerca de 3%.

USAR CRIPTOMOEDAS É SEGURO?

Isso depende da sua perspectiva. É verdade que as criptomoedas que usam a tecnologia blockchain garantem que as transações sejam registradas adequadamente e dificultem a invasão. 

O software Blockchain é essencialmente um ledger descentralizado que nenhuma pessoa ou instituição controla porque o registro de todas as transações é mantido em vários nós, oferecendo redundância e tornando extremamente difícil para qualquer usuário adulterar.

No entanto, se um token de criptomoeda for roubado de uma carteira digital, na maioria dos casos isso significa que o dinheiro se foi para sempre e não pode ser rastreado. 

Além disso, alguns cofres foram roubados em vários milhões de dólares, novamente deixando os clientes sem nenhum recurso porque os fundos não são garantidos ou segurados por nenhuma instituição do governo (contrastando com as contas bancárias tradicionais do Brasil, que o FGC cobre até R$ 250.000). No ano passado, mais de US $ 1 bilhão foi roubado das contas de criptomoedas.

NÃO É APENAS PARA CRIMINOSOS?


Historicamente, a criptografia era o reino dos criminosos e especuladores digitais que provavelmente se sentiam atraídos pela facilidade com que o Bitcoin pode ser negociado on-line sem comprometer o anonimato. 

Sem surpresa, as pessoas que traficam dados roubados e drogas na teia escura eram grandes proponentes iniciais da criptomoeda. No entanto, ganhou legitimidade nos últimos anos por causa de sua flexibilidade para transferir dinheiro digital on-line sem a necessidade de qualquer tipo de banco institucional. 

As moedas digitais também ganharam popularidade em países como a Venezuela, onde a moeda local é instável e sujeita a variações inflacionárias gigantescas. Nessas situações, a criptomoeda pode oferecer alguma proteção contra a agitação política.

É MELHOR QUE OUTROS SERVIÇOS DE PAGAMENTO ONLINE?

Não necessariamente. O problema fundamental de todas as criptomoedas é a flutuação imprevisível de seu valor. Então, enquanto você segura os seus Bitcoins em sua carteira digital, você pode estar perdendo (ou ganhando) dinheiro até usá-lo para comprar algo ou vende-lo. 

O dinheiro tradicional (que os proponentes da criptografia chamam de moeda “fiduciária”) tende a ser mais estável, já que é apoiado pelos governos e por uma rede muito maior de mercados comerciais globais.

AINDA É UM GRANDE NEGÓCIO?

É um bom negócio investir na Criptomoeda Bitcoin?
É um bom negócio investir na Criptomoeda Bitcoin?

Talvez. A bolha especulativa de 2017 na criptografia mais popular do mundo, o Bitcoin, explodiu – mas o Bitcoin ainda é amplamente usado. As pessoas fazem negócios no Bitcoin no equivalente a US $ 800 milhões por dia. Isso pode parecer muito, mas é menos da metade do que um serviço tradicional, o Paypal, faz todos os dias.

No entanto, está ganhando aceitação como uma categoria de moeda, em grande parte devido ao fato de que as empresas privadas veem um tremendo potenci al de marketing – e outra fonte de receita – no lançamento de suas próprias moedas criptográficas, como fez o Facebook que anunciou recentemente, que vai lançar sua própria criptomoedas – a Libra.

O QUE SÃO ICOS?

As ofertas iniciais de moeda (ICOs) são uma forma de as empresas levantarem dinheiro emitindo tokens virtuais. Assim como o crowdfunding, você compra esses tokens virtuais usando dinheiro tradicional ou outra moeda criptografada, como Bitcoin ou Ether, e a empresa supostamente o usa para criar produtos e expandir. 

Ele permite que a empresa evite os requisitos legais e financeiros para levantar capital de risco ou emitir ações. Essa nova forma de crowdfunding está repleta de riscos, no entanto.

Geralmente, você só pode usar os tokens comprados para comprar serviços ou produtos dessa empresa. Por isso, as ICOs são inúteis em qualquer outro lugar e há sempre o perigo de a empresa não produzir nada que valha a pena comprar – e não há como recuperar seu dinheiro. 

Um conceito derivado de ICOs é que as empresas privadas emitem sua própria criptomoeda para serem usadas apenas em suas próprias lojas. Também pode ser usado como bônus de milhas ou pontos, resgatáveis ​​no futuro para os serviços da empresa. 

Uma grande empresa que já está trabalhando em sua própria criptomoeda para trocas de dinheiro online é o Facebook. No entanto, seu sucesso – como o de todos os tipos de criptomoeda – dependerá de quanto as pessoas confiam nele.

Renda extra: como ganhar quase mais de mil reais em menos de 30 dias comprando e vendendo milhas.

Com a promoção de compra de Pontos Multiplus, você pode comprar milhas e revendê-las rapidamente, lucrando em torno de 15%.


Uma forma ainda pouco conhecida para fazer renda extra é a compra e venda de milhas que, apesar de ainda pouco divulgada, já começou a atrair muita gente que está buscando uma renda extra.

No momento
existe uma promoção para compra de pontos que é muito rentável para quem quiser
comprar e vender na sequência. Trata-se de uma excelente oportunidade!

Até dia 29/5
a Multiplus está com uma promoção através da qual você pode comprar cada mil
pontos por R$28,14 e vender os mesmos pontos por em torno de R$32,50, um lucro
quase imediato de 15%.

Aqui está
um passo-a-passo para você aproveitar essa oportunidade:

Passo 1: caso ainda não tenha uma conta Multiplus, crie sua conta. Se já tiver sua conta, acesse o site da Multiplus e clique em “Entrar”, fazendo o seu login.

A promoção
que está no ar até dia 29/5 permite, a quem é assinante do Clube Multiplus,
comprar pontos com 60% de desconto.

Passo 2: o seu segundo passo é assinar a opção mais barata, chamada “Clube 1.000”, que já vai te dar direito a comprar os pontos com desconto. Ela custa R$42,90 por mês:

Plano Clube Multiplus

Passo 3: após ter o seu clube aprovado, você já vai receber 1.000 pontos imediatamente. Na sequência, você vai até a opção “Compre Pontos” no site da Multiplus.

Com o seu
login feito, e já sendo assinante do Clube, você verá que pode comprar até 300
mil pontos com o desconto de 60%. Cada mil pontos vão sair por R$28,00, ao
invés de R$70,00.

Comprar e Vender Milhas Multiplus

Selecione a quantidade que deseja comprar e siga para finalizar a compra, preenchendo os dados corretos do seu cartão de crédito. A Multiplus leva até 48 horas para aprovar a compra.

Passo 4: quando sua compra for aprovada você vai receber um e-mail de confirmação. Vale também acessar sua conta Multiplus para ver se os pontos já caíram pois nem sempre eles mandam o e-mail avisando.


Agora ao acessar sua conta Multiplus você verá 301.000 pontos (1mil referente à assinatura do Clube e mais 300 mil que você comprou com desconto):

Passo 5: caso ainda não tenha conta da MaxMilhas, crie sua conta aqui. Importante: você deve usar exatamente o mesmo nome e CPF que usou para criar sua conta Multiplus. Os dados precisam ser iguais.

Passo 6: faça login na sua conta MaxMilhas e vá até a opção “Vender milhas”. O link direto é: https://www.maxmilhas.com.br/vender-milhas. Nessa tela, selecione “Faça sua venda” e na sequência selecione “Latam”:


Passo 7: na tela seguinte coloque 301.000 em “quantidade de milhas” e no campo “Qual o valor para cada 1.000 milhas” coloque o valor pelo qual quer vender cada mil milhas.

Se cadastrar a R$32,50 você vai ter um lucro de 15% com a venda. Você pode colocar um pouco mais que isso se desejar ou até menos caso queira vender mais rápido:

Passo 8: clique em “Configurações avançadas” ainda nessa tela. Em “Média de milhas por passageiro” sugiro que coloque 15.000.

Isso significa que a MaxMilhas vai cumprir uma média de 15.000 milhas por passagem, ou seja, vai fazer até 20 emissões (20 x 15.000 = 300.000).

Essas emissões serão de, em média, 15 mil pontos mas nem todas serão exatamente de 15 mil, sendo que a média final de todas as emissões dará isso. Clique em “Próximo”.

Lucre comprando e vendendo milhas

A Multiplus permite que em um período de 1 ano você emita passagens para 24 pessoas diferentes + passagens para você. Então, na prática, essa escolha significa que você vai gastar 20 emissões das 24 emissões para pessoas diferentes a que você tem direito num período de 1 ano na Multiplus.

Passo 9: na próxima tela a MaxMilhas já vai carregar seu CPF no campo “Usuário do programa de fidelidade”. Você deve preencher o campo “Senha do programa de fidelidade” com a sua senha de acesso da Multiplus e “Senha de resgate da Multiplus” deve ser a senha de resgate. A Multiplus possui duas senhas distintas.

Você pode pedir a sua senha de resgate (caso não saiba) logando na sua conta Multiplus e indo em “Minha conta” no topo da página e depois em “Senhas” >> “Solicitar senha de resgate”.

Coloque também nessa tela o seu telefone cadastrado na Multiplus. Caso não lembre qual telefone você usou lá, vá em “Minha conta” e “Dados de contato” na sua conta da Multiplus para verificar.

O número de celular que está cadastrado lá deve ser o mesmo que vai colocar na MaxMilhas pois a MaxMilhas vai te ligar para pegar o SMS que a Multiplus envia durante o processo de emissão de passagem, então o número precisa estar correto. Aceite os termos e clique em “Próximo”.

Passo 10: assim que sua oferta for aprovada pela MaxMilhas você vai receber um e-mail te avisando (a plataforma leva até 48 horas para aprovar novas ofertas).

Enquanto isso aproveite para cadastrar sua conta bancária para receber o pagamento: https://www.maxmilhas.com.br/cliente/editar/dados-bancarios.

A conta bancária também precisa ter o mesmo CPF da conta MaxMilhas e da conta do programa de Fidelidade. Você não pode receber em uma conta bancária que não seja do titular da conta MaxMilhas e da conta Multiplus (e a conta deve ser corrente, não poupança).

Passo 11: pronto! Com sua oferta aprovada a MaxMilhas vai entrar em contato para pegar o código de emissão que chega por SMS para você conforme as milhas forem sendo vendidas.

As vendas são exibidas em “Minhas vendas”, assim como os valores a receber e datas de pagamento.

A empresa
paga pelas milhas 20 dias após as vendas (normalmente um pouco antes). Você
também recebe e-mail de confirmação a cada passagem emitida com suas milhas.

Continue
lendo para ver as contas para entender quanto vai lucrar com essa operação de
compra e venda de milhas!

Fazendo as
contas: vale a pena! Você deve ganhar em torno de R$1.339,60 em menos de 1 mês

Custo da Assinatura do Clube Multiplus 1.000  R$ 42,90
Custo da compra de 300 mil pontos com
desconto de 60%
 R$ 8.400,00
Custo total  R$ 8.442,90
Quantos pontos terá 301.000
Valor de venda de cada mil pontos  R$ 32,50
Valor total a ser recebido vendendo a
esse valor
 R$ 9.782,50
Diferença entre valor de venda e custo total (lucro)  R$ 1.339,60
% do lucro 15,87%

Dicas Importantes

Para acelerar a aprovação da sua compra de pontos na Multiplus busque usar cartão de crédito de sua própria titularidade (que seja do mesmo nome e CPF da conta Multiplus)

– Você pode
comprar menos do que 300 mil pontos (esse é o limite máximo com desconto), caso
tenha menos limite no cartão de crédito

Caso não tenha interesse em manter o Clube Multiplus ativo, cancele perto de completar 1 mês, para não ter cobrança por mais tempo

Caso sua compra não seja aprovada, entre em contato pelo chat ou telefone da Multiplus para entender e ver se liberam ou tente novamente

Aproveite a promoção rápido: você precisa assinar o clube e comprar os pontos dentro do período promocional então se deixar para muito mais para frente pode perder a oportunidade pois o processo de aprovação de compra pode demorar um pouco

Você pode repetir esse processo com pessoas da sua família, cada um com sua própria conta Multiplus e conta MaxMilhas. Lembre-se: os dados precisam ser sempre do titular da conta.

Como comprar e vender Bitcoin com segurança.

A mineração de bitcoin é um processo complexo, trabalhoso e envolve muitos gastos. No mínimo, você precisa de um software especializado, uma plataforma de hardware sofisticada para executá-lo e uma quantidade considerável de eletricidade para alimentar todo esse aparato.

Na verdade, a maneira mais simples de acumular bitcoin é apenas comprando-o. Claro, isso faz parte de um processo por si só.

Antes de estar pronto para entrar na “montanha-russa” bitcoin, você precisará estabelecer uma conta com uma das maiores bolsas (como Coinbase ou CEX), conectar uma conta bancária ou cartão de crédito e transferir dinheiro.

Esse processo, que explicaremos abaixo, deve demorar cerca de 10 minutos aproximadamente. A menos que, claro, uma troca esteja sofrendo algum tipo de interrupção – uma ocorrência cada vez mais comum, infelizmente.


Onde posso comprar bitcoin?

Há muitos outros pontos de entrada no universo bitcoin, no entanto. Você pode jogar day trader e usar uma troca regulada como GDAX (que é de propriedade da Coinbase).

No extremo oposto desse mercado, você pode encontrar alguém local disposto a trocar dinheiro por bitcoins, se você vende produtos ou opera um negócio, você pode aceitar bitcoin como pagamento de bens ou serviços.

Painel do GDAX

 

Ou você pode seguir a rota financeira de alta. Na segunda-feira, a CME Group, a maior bolsa de derivativos do mundo, possibilitou o comércio de futuros de bitcoin, abrindo novas possibilidades e definindo outro marco na evolução da cryptocurrency. E a Bloomberg relata que a Goldman Sachs está planejando lançar uma mesa de negociação bitcoin em 2018.


Posso jogar no mercado bitcoin sem comprar bitcoin?

Você pode fazer a coisa bitcoin sem possuí-la completamente. A rede eToro“social trading” não vende bitcoin, mas permite seguir comerciantes e apostar – ou na linguagem do aplicativo, “copiar”- seu desempenho e lucro (ou perder) das variações de preços.

E é apenas uma questão de tempo antes que os grandes investidores institucionais descubram uma maneira de oferecer bitcoin às massas através de ETFs e fundos indexados.


Onde devo comprar bitcoin?

Por enquanto, a maneira mais popular de comprar bitcoins continua sendo uma troca como Coinbase ou CEX. Mas observamos, que mesmo a Coinbase, a plataforma mais estabelecida do mercado para compra e venda de Bitcoins, está lutando para acompanhar a demanda.

Há interrupções frequentes que podem tornar difícil ou impossível comprar e vender – e há muitos clientes, investidores e especuladores com histórias de pesadelo para contar. Então, antes de comprar e vender faça uma pesquisa e defina qual plataforma vai usar.

Coinbase site de interrupção


Fatores a serem considerados ao comprar bitcoin

Apesar do registro imperfeito do serviço ao cliente, não é surpresa que a maioria dos compradores de bitcoin vá para a Coinbase. Ele tem o maior volume de negociação, grandes investidores e faz um processo complicado ficar bastante simples e tem um sistema muito fácil e intuitivo de usar.

Ainda assim, cada cryptocurrency e troca tem seus próprios protocolos e regras, alguns dos quais são mais rigorosos do que outros. Alguns exigem que você verifique sua identidade antes de comprar e vender. Alguns aplicam limites de compra rígidos, enquanto outros levam qualquer quantidade de dinheiro com o qual você está disposto a investir.

Há limites para o quanto da Bitcoin você pode comprar.

 

Com o preço do bitcoin flutuando dramaticamente de uma hora para outra, o tempo de transação – a rapidez com que a moeda é transferida de sua conta bancária ou cartão de crédito para sua carteira bitcoin – pode variar amplamente, dependendo da troca que você usa e do seu tipo de pagamento.

E, em seguida, há a questão das taxas, que podem reduzir rapidamente o seu saldo. Vamos dar uma olhada em cada um desses fatores abaixo.


Posso comprar bitcoin anonimamente?

Bitcoin não é exatamente anônimo. Toda transação é publicamente visível uma vez que está inscrito e publicado na cadeia de blocos.

Dito isso, essas transações são associadas com um endereço bitcoin – não há um nome ou número de conta – por isso não são formas de comércio, mantendo a sua identidade obscura. (É por isso que a Silk Road, o mercado da Web para drogas e outros bens e serviços ilícitos, foi um adepto precoce e fervoroso do bitcoin ).


Preciso verificar minha identidade para comprar bitcoin?

Se a privacidade é importante para você, comprar bitcoin com dinheiro é a sua melhor aposta. Existem muitos sites que conectam compradores e vendedores – incluindo Paxful e LocalBitcoins – que lhe permitirão trocar dinheiro ou mesmo um cartão de presente , pessoalmente ou on-line, por bitcoin.

Ainda existem outros sites brasileiros para comprar e vender Bitcoin: Mercado Bitcoin, Bit Cambio entre outros.

Verificação de identidade CEX

 

Se você optar por seguir uma rota mais ampla, afinal, o processo pode ser bastante invasivo. As principais trocas exigem uma boa quantidade de identificação e informações financeiras sensíveis para estabelecer e financiar uma conta.

As trocas registradas com os reguladores são necessárias para verificar sua identificação antes de fazer negócios com você em um esforço para proteger contra fraudes e lavagem de dinheiro. E existe risco sempre que você fornecer informações pessoais e financeiras a qualquer entidade, especialmente on-line.


Posso usar um cartão de crédito para comprar bitcoin?

Você pode usar praticamente qualquer fonte de financiamento para comprar bitcoin; outras criptografia podem oferecer menos flexibilidade e menos opções.

A maioria das bolsas aceitam cartões de crédito e cartões de débito, e essas são geralmente as formas mais rápidas de comprar bitcoin.

Outras opções de financiamento incluem uma conta bancária ou transferência bancária, que pode exigir mais tempo – tempo esse que pode variar de alguns minutos até alguns dias. PayPal, dinheiro e outras criptografias também são opções viáveis para compra.


Quantos bitcoins posso comprar de uma só vez?

Mesmo se você estiver sentado em pilhas de dinheiro, e com um comichão para comprar bitcoin, saiba que há limites. Algumas plataformas de vendas colocam um limite semanal ou diário de quanto bitcoin você pode comprar de acordo com o método de pagamento que você usa, quanto tempo sua conta está ativa e seu histórico de transações.

E mesmo que você verifique sua identidade, você ainda pode limitar-se a comprar US$ 750 de bitcoin por semana com um cartão de crédito ou US$ 10.000 a US$ 15.000 por semana, se você usar uma conta bancária.

Claro, você também pode comprar quantidades menores. A Coinbase irá permitir que você compre um valor de $ 1.99 no bitcoin – mas levará 99 centavos no topo das taxas.


Que tipo de taxas posso esperar pagar?

Embora não haja custos de transação inerentes com o bitcoin, comprar e vendê-lo geralmente envolve taxas. As taxas da Coinbase se dividem em duas categorias principais: taxas de conversão e taxas de câmbio – que podem somar até 8% de uma transação, dependendo da natureza da transação e da forma como você financia sua conta (por exemplo, cartão de crédito, cartão de debito ou transferência bancária).

Você também pode cobrar uma taxa para transferir dinheiro dentro e fora da sua conta bancária. (Verifique a explicação de Coinbase sobre as taxas aqui.)


Ótimo. Eu comprei um pouco de bitcoin. O que fazer agora?

A Bitcoin ainda é uma moeda de nicho, embora um número crescente de empresas, incluindo a Microsoft e o Subway, agora a aceite. (Em 2015, o processador de pagamento BitPay afirmou que mais de 100 mil comerciantes do mundo aceitavam bitcoin).

Observe que a Coinbase oferece um cartão de débito Visa que permite comprar coisas com a Coinbase em qualquer lugar onde a bandeira Visa é aceita.

Você pode vender bitcoin nas mesmas trocas e serviços que você pode comprar. E, embora a transação de venda possa levar apenas alguns segundos, provavelmente levará muito mais tempo para realmente retirar o dinheiro dessa venda da sua carteira de bitcoin para sua conta bancária.

Quando vendi um pouco de bitcoin na Coinbase no início de dezembro e imediatamente iniciou um depósito na minha conta bancária, demorou uma semana completa para que o dinheiro entrasse de fato na minha conta.

Existem outras criptomoedas que se orgulham dos tempos de transação e depósitos mais rápidos. Vamos dar uma olhada em algumas das outras principais moedas, e como elas funcionam em outra oportunidade neste site.


Como faço para manter meu bitcoin seguro?

Se você estiver negociando quantidades mais baixas, provavelmente é certo usar a carteira fornecida pela sua troca ou outra carteira de software, e existem várias carteiras de Bitcoin para escolher.

Se você já atingiu um grande patamar de compra e venda e negocia valores mais altos, é quase certeza que você irá precisar de uma carteira de hardware, há uma série de opções complicadas e relacionadas à criptografia.

Vamos dar uma olhada nos prós e contras de cada uma dessas opções em um futuro artigo. Enquanto isso, bitcoin.org fornece algumas boas informações introdutórias.

Via:  Cnet