Atualidades Software

Os melhores softwares de edição de fotos gratuito.

Aqui estão 4 alternativas gratuitas ao Photoshop para todas as suas necessidades para edição de fotos.

Não há muito o que argumentar – o Adobe Photoshop continua sendo o melhor aplicativo de edição de fotos do mercado. Mas é um programa difícil de dominar sem treinamento, e não é a opção mais barata por aí. É por isso que neste artigo vamos analisar os melhores softwares de edição de fotos gratuito do mercado. 

De fato, nossa melhor opção certamente chamará sua atenção. O GIMP é um software de edição de fotos de código aberto disponível para todos os três maiores sistemas operacionais e oferece um enorme espaço de trabalho e uma ampla variedade de ferramentas de edição profissionais.

E se a nossa principal dica não for para você, verifique as outras opções nesta lista. Existem ótimas opções para o software de desktop convencional e para as soluções baseadas na Web que não exigem a instalação de nenhum software.

Mas caso você esteja disposto a pagar um valor mais alto para obter o Adobe Photoshop e turbinar o seu PC com um software profissional e altamente avançado para edição de fotos e imagens no geral, sugiro que leia esse artigo: 7 Dicas para você ficar fera no Photoshop.


O MELHOR SOFTWARE PARA EDIÇÃO DE FOTOS GRATUITO


GIMP

GIMP Melhor editor de fotos grátis
GIMP – Edição de fotos grátis

Muitas vezes anunciada como a melhor alternativa gratuita ao Photoshop, o GIMP (GNU Image Manipulation Program) é um aplicativo de código aberto que conta com uma comunidade de desenvolvedores voluntários que mantêm e aprimoram o produto. 

Disponível para MacOS, Windows e Linux, você obtém muitas ferramentas de edição e retoque em nível profissional – perfeitas para designers que não podem ou não querem gastar centenas de dólares com o Adobe Photoshop.

Depois de iniciar o programa, você encontrará uma janela dedicada que exibe a imagem e guias separadas para organizar a caixa de ferramentas e as camadas. Ao usar uma tela grande, ou duas telas, você tem um grande espaço de trabalho para brincar com suas imagens. 

Os ícones na caixa de ferramentas representam ações como as ferramentas de corte, laço, pintura e pincel, e você pode aplicar vários efeitos às suas fotos. Pode parecer o Photoshop, mas o GIMP tem sua própria aparência. Fazer o salto de um para o outro levará um pouco de tempo, mas você economizará uma taxa de assinatura mensal.

BAIXAR GIMP


OUTROS PROGRAMAS BONS PARA EDIÇÃO DE FOTOS GRATUITO


Paint.NET

Paint.NET edição de fotos gratuito
Páint.NET – Edição de fotos gratuito.

Este é um caso em que o aprendiz se torna o mestre. O Paint.NET foi criado como um projeto de design sênior de graduação da faculdade orientado pela Microsoft e continua sendo mantido pelos ex-alunos do programa. 

Foi originalmente desenvolvido como um substituto gratuito para o Microsoft Paint, que faz parte do Windows. O Paint.NET superou o Microsoft Paint em funcionalidade e também possui alguns recursos mais avançados.

O Paint.NET possui uma interface de usuário intuitiva que suporta camadas, uma ferramenta de “desfazer ilimitado” para evitar qualquer erro, independentemente de quão desastroso você é, ainda disponibiliza vários efeitos especiais e outras ferramentas relevantes.

Onde o Microsoft Paint pode fazer pouco mais que redimensionar imagens, o Paint.NET pode lidar com edições de fotos mais avançadas que você esperaria limitar ao Photoshop e outros programas pagos. 

BAIXAR PAINT.NET


Photoshop Express

Photoshop Express editar imagens grátis
Photoshop Express – Aplicativo para editar fotos

Se as opções acima parecem muito derivadas ou você deseja mais dessa experiência da Adobe sem o preço associado, o Photoshop Express é outra opção que vale a pena considerar. 

Embora reduzida em comparação com o Photoshop padrão, a variante Express tem várias ótimas opções para editar fotos com uma curva de aprendizado muito mais gradual.

Com uma interface voltada para dispositivos móveis, o Photoshop Express oferece acesso rápido e fácil a ajustes da barra deslizante e correções de um toque para fotos de todos os tipos. 

Os efeitos pré-embalados fazem alterações rápidas e dramáticas nas imagens para melhorar a cor e o contraste; as ferramentas de cortar e transformar permitem ajustar a orientação e o foco de uma foto, e os Detalhes oferecem controle sobre nitidez e ruído.

Seu suporte ao tipo de arquivo é limitado a arquivos de câmera brutos, arquivos TIFF, JPG e PNG, mas o Photoshop Express é um aplicativo disponível gratuitamente que você pode usar no seu PC com Windows, iOS ou dispositivo Android sem problemas.

WINDOWS  IOS ANDROID


Pixlr.com

PIXLR editor de fotos
Pixlr.com – Editor de Fotos Grátis

O Pixlr.com possui uma oferta em camadas totalmente gratuita. O site separa sua edição de fotos no Pixlr Editor (avançado) e Pixlr Express (eficiente). O site também oferece um pacote móvel para que você possa editar fotos em um smartphone ou tablet – as versões iOS e Android estão disponíveis. 

Pixlr Editor é mais parecido com o Photoshop. É uma ferramenta simples de edição de fotos que permite cortar, dimensionar e ajustar a imagem. Possui uma ferramenta de olhos vermelhos que elimina aqueles olhos diabólicos que aparecem quando o flash dispara. 

O Express, por outro lado, permite colocar sobreposições criativas em suas imagens – isso é realmente para brincar com suas fotos. Você pode colocar uma mancha em uma foto para parecer que descansou uma caneca de café na foto, por exemplo.

O Pixlr está na linha entre editores de imagem baseados na Web e em computadores: existem versões para dispositivos móveis e computadores do software que você pode baixar. 

No entanto, geralmente é mais fácil abrir o navegador favorito e carregar a versão online. Nota: O site de download requer a execução do Adobe Flash, portanto, você deverá habilitá-lo antes de avançar.

Habilidades humanas que os robôs nunca serão capazes de ter.

Você é daquelas pessoas que acham que os robôs irão dominar o mundo? É verdade que boa parte dos trabalhos estão sendo automatizados, mas será que os robôs terão todas as habilidades humanas?


O futuro da tecnologia no trabalho não está tão longe quanto a gente imagina. Indústrias de produção, finanças, transporte, entre outras, já começaram a sentir o impacto da tecnologia no que diz respeito aos negócios e mão de obra.

Uma pesquisa realizada pela Universidade de Brasília mostrou que até 2026, mais de 50% dos empregos formais no Brasil poderão ser ocupados por robôs e programas de computador. Essa porcentagem representa em torno de 30 milhões de vagas de emprego.

É fato que quando se trata de processar informações e executar tarefas protocoladas e repetitivas, os robôs podem ser muito melhores que os humanos. Mas, quando se trata de aptidões emocionais e de relacionamento, eles nunca serão capazes de nos substituir.

Por isso, apesar dessa mudança tecnológica já ser uma realidade e afetar o mercado de trabalho, ainda há habilidades humanas que a inteligência artificial nunca será capaz de roubar. O site de empregos Adzuna pesquisou e listou algumas delas:


1 – Sentimentos: a capacidade de sentir empatia e intuição


Robôs não são capazes de construir relacionamentos, sentir empatia ou mostrar outras formas de inteligência emocional para criar conexões pessoais com pessoas, sejam clientes ou colegas.

Em profissões como medicina, psicologia, enfermagem, pedagogia, serviço social, e outras áreas que envolvem relacionamento entre pessoas, essa habilidade é mais que essencial. Já imaginou uma criança que está na fase de formação, ser educada por um robô?

Robôs com habilidades humanas

2 – Observação: entender e analisar o todo


A IA (Inteligência Artificial) é muito boa em resolver um único problema, mas não muito boa em resolver uma série de problemas. Por exemplo, a máquina Deep Blue da IBM pode derrotar um grande mestre de xadrez, mas seria muito ruim em palavras cruzadas.

Os seres humanos são multitarefa. Por exemplo, um médico pode ver uma pessoa como um todo, não apenas se concentrar em um sintoma. Eles entendem os características e as dependências do corpo humano – e podem diagnosticar corretamente uma doença que um robô pode não detectar, pois está muito focado em outro ponto específico.

Diversificar seu conjunto de habilidades pode ajudá-lo a otimizar suas habilidades de multitarefa. “A melhor maneira de reagir (à automação) é aumentar as habilidades da força de trabalho”, de acordo com Gregory Mankiw, economista de Harvard, falando ao NY Times.

robôs humanos

3 – Sonhar e criar: usar a imaginação para soluções criativas e desenvolver algo novo


Curiosidade e criatividade são características humanas que os robôs lutam para adotar. Você não precisa ser o criador do próximo Uber ou ter uma ideia magnífica que irá revolucionar a indústria, mas pode trazer criatividade e inovação para o trabalho de várias maneiras no dia a dia.

Além disso, a habilidade de identificar problemas e pensar em soluções é algo que não pode ser automatizado, principalmente em uma rotina de trabalho onde urgências aparecem. E isso requer muita criatividade e imaginação, capacidades que os robôs ainda não desenvolveram.


4 – Aprender: usar novas tecnologias para desenvolver suas habilidades e carreira


Se você entende de tecnologia, provavelmente deve estar preparado ou, pelo menos, no processo de adaptação para as mudanças que isso trará para sua carreira.

Se essa não é sua realidade de trabalho, você pode usá-la ao seu favor. Atualmente, há diversos cursos online (pagos e grátis) onde você pode estudar programação para ajudá-lo a entender como a tecnologia funciona ou aprender a fornecer suporte humano às máquinas.

O segredo é não limitar seu aprendizado apenas à tecnologia. Procure constantemente aprimorar suas habilidades para se manter relevante no local de trabalho, porque, na verdade, ninguém realmente conseguirá prever a dimensão do impacto que a inovação e os robôs terão no seu trabalho.

Como alterar o idioma no Google Chrome?

Deseja que o Chrome seja exibido em um idioma diferente? Veja como mudar isso.

Só porque o navegador Google Chrome pensa que sabe em qual idioma você deseja navegar na Web, não significa que ele esteja sempre certo. Felizmente, você não precisa mais aceitar suas suposições, pois estamos aqui para mostrar como alterar o idioma preferido do seu navegador Google Chrome.


ALTERAR SUAS CONFIGURAÇÕES DE IDIOMA


A alteração do idioma usado no Chrome leva apenas algumas etapas e, embora o processo possa parecer complexo, a operação é fácil o suficiente para os iniciantes. 

As etapas a seguir foram tomadas na versão mais recente do Chrome no Windows 10, mas você pode aplicar o mesmo procedimento em um dispositivo Chrome OS como um Chromebook

Um procedimento semelhante também se aplica ao Edge Browser da Microsoft, baseado em Chromium, basta encontrar a opção no botão de menu, pressionar Configurações e Idiomas. E, de acordo com o Google, para o Chrome nos Macs, o navegador “será exibido automaticamente no idioma padrão do sistema para o seu computador”.

Alterar idioma Google Chrome

Etapa 1: inicie o navegador Chrome no dispositivo e navegue até o botão de menu no canto superior direito da janela do Chrome. O botão de menu é representado por três pontos empilhados.

Etapa 2: selecione Configurações na parte inferior do menu. Como alternativa, você também pode navegar rapidamente para o menu Configurações digitando “chrome: // settings /” na barra de endereços do seu navegador Chrome.

Etapa 3: quando estiver no menu de configurações, role para baixo até a parte inferior da lista e clique em Avançado para exibir opções adicionais.

Etapa 4: continue a rolar para baixo até ver Idiomas. Clique ou toque em Idiomas ou na seta para baixo à direita para ver mais opções.

Etapa 5: você pode adicionar um novo idioma clicando no botão azul Adicionar idiomas.

Etapa 6: role pelos idiomas disponíveis e clique no idioma que você deseja adicionar ou digite o idioma que deseja na barra de pesquisa. Depois de selecionar o idioma desejado, clique no  botão Adicionar no canto inferior direito.

Etapa 7: novos idiomas são adicionados automaticamente ao final da lista. Se você tiver mais de um idioma selecionado, também poderá usar o botão de menu – representado por três pontos empilhados – à direita de cada idioma da sua lista para reordenar os idiomas selecionados ou remover qualquer idioma que você não queira usar.

Depois de concluir as alterações, você pode fechar a guia Configurações no seu navegador ou sair do Chrome. As alterações serão salvas e atualizadas automaticamente.

Configuração para alterar idioma do Chrome.
Configuração para alterar idioma do Chrome.

COMO EXIBIR O CHROME EM OUTRO IDIOMA OU TRADUZIR PÁGINAS DA WEB?


Depois de adicionar seu idioma, habilite-o para que o Chrome use esse novo idioma.

Etapa 1: vá para as configurações de Idiomas navegando até a Etapa 4 no guia acima. Clique no botão de menu à direita do idioma desejado, que novamente é representado por três pontos.

Etapa 2: Um menu pop-up será exibido. Você pode selecionar a primeira caixa, a próxima à frase Exibir o Google Chrome neste idioma.

O botão de reinicialização aparecerá ao lado do idioma. Você deseja reiniciar o Chrome para aplicar as novas configurações.


Com o novo idioma ativado, quando você visita um site ou página nesse idioma, o pop-up de tradução do Google Tradutor não aparece. Por exemplo, se você optar por exibir o Chrome em francês, o Google Tradutor não aparecerá quando você visitar o portal da Amazon France.

Se você ainda deseja que o Google Tradutor apareça ao visitar uma página escrita no mesmo idioma usado para exibir o Chrome, navegue até a configuração de idioma do Chrome e clique no menu ao lado do idioma desejado. Você deve verificar se a caixa Oferta para traduzir páginas neste idioma está marcada.

Se você realmente não deseja alterar essas configurações, lembre-se de que o Google possui um site do Translate dedicado que pode traduzir texto ou documentos com facilidade e poupar algum tempo. 

Se você costuma traduzir regularmente as peças encontradas on-line, faça o download da extensão para o Google Tradutor para poder usá-las com mais facilidade.

Crescimento no comércio eletrônico no Brasil.

A internet deixou de ser um meio apenas para lazer e obtenção de informações, para dar também a um amplo e crescente comércio eletrônico.

Atendendo ao desejo de comodidade dos consumidores que estão cada vez mais conectados, muitos negócios enxergaram a necessidade e oportunidade de constituir um ambiente virtual para seu público.

O número de investidores neste mercado tem aumentado significativamente, assim como os faturamentos. Em 2017, o cenário de e-commerce no Brasil teve um aumento de 12% em relação ao ano anterior, com um faturamento de 59,9 bilhões de Reais, segundo dados da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm).

Quanto a 2018, houve um aumento de 12,5%, no número de e-commerce, com um faturamento de aproximadamente 23,6 bilhões de reais, apenas no primeiro semestre.

Pode-se utilizar como exemplo de um novo e-commerce o site Lady Love, o qual também apostou no comércio eletrônico para abrir seu próprio negócio.

Os números tendem a crescer diante das eventualidades de grande volume de vendas até o final do ano, como o dia das crianças, Black Friday e Natal.

E são vários os motivos que impulsionaram a criação de sites para venda de produtos na internet. Pode ser pela comodidade disponibilizada para o consumidor; uma relação de confiança maior e fortalecida com os clientes; praticidade e disponibilidade de estratégias de vendas; entre outros motivos.

O comércio eletrônico ganhou uma proporção tão essencial e eficaz, que surgiram novas empresas especializadas na área de criação de sites, consultoria SEO, marketing de conteúdo… como é o caso da agência de Marketing Digital focada em resultados, WebTrends.

É uma área que se encontra em constante crescimento, tanto para quem quer abrir ou desenvolver seu negócio digital, quanto para aqueles que trabalham em cima desta demanda de criação de sites e afins.

Como o big data pode ajudar sua empresa a conquistar resultados positivos

Sua empresa pode se beneficiar ao aderir ao processamento de dados contínuo e em tempo real, mas é preciso se preparar.

Anteriormente apontado pelos especialistas como “the next big thing”, o big data já é uma das principais formas de uma empresa gerar valor real por meio da tecnologia. Saber aproveitá-lo com sabedoria pode ser um fator de sucesso para o seu negócio.

O big data nada mais é do que uma grande quantidade de informação proveniente de fontes diversas, principalmente online. Além do volume de dados, o big data é veloz e pode fornecer diferentes tipos de informações.

Ao cruzar os dados e traduzir as informações, é possível aplicá-los nas estratégias da empresa e gerar insights que melhorem o desempenho do seu negócio, seja ele qual for. Inclusive, já existem empresas 100% orientadas por dados.

Na prática, o processamento de dados deve ter ao menos um objetivo que gere valor para a empresa. Entre os usos mais frequentes para apoiar a eficácia empresarial, o big data serve para realizar previsões de mercado e prognóstico, aprimorar as operações, fazer a gestão de talentos e identificar problemas.


Dicas para usar big data

A aplicação de técnicas de big data é específica para cada cenário, considerando o tipo de empresa, as informações que você precisa e como pretende aproveitá-las. Descubra como se iniciar nessa novidade.


Reflita se você realmente precisa

Assim como qualquer mudança, você precisa pensar se a sua empresa realmente precisa aderir a essa novidade. O big data não é um modismo, é uma ferramenta estratégica que precisa sem implementada com um objetivo para fazer a diferença.

Vale lembrar que o big data é um investimento de tempo, dinheiro e até mesmo de mudança na cultura empresarial já estabelecida. Só se aventure depois de uma boa reflexão e após fazer um planejamento completo para isso.


Estimule a mudança de mentalidade

Especialmente nas empresas tradicionais, a implementação do big data pode acarretar em resistência e objeções dos funcionários. Se papel é deixar claro a importância de tomar decisões baseadas em informações e métricas 100% confiáveis.

Líderes e gestores devem liderar a mudança, usando os dados em suas análises e processos de tomada de decisão e reconhecendo os funcionários que incorporam o big data em suas tarefas cotidianas.


Monte uma equipe

Para extrair o máximo de informações relevantes, é melhor contar com uma equipe especializada. Quanto mais detalhes e análises você precisar, mais importante esse time será para atingir o objetivo.

Considere a contratação de um cientista de dados. Esse novo profissional é capaz de adquirir os dados e então limpar, selecionar, organizar e prepará-los para que suas habilidades matemáticas, estatísticas e tecnológicas gerem os insights e a inteligência de negócio que você necessita.


Procure a solução adequada

Cada vez mais são criadas ferramentas que capturam, processam e entregam informações a partir de recursos de análises avançados e aprofundados. Amazon, Google, Windows e Facebook são alguns exemplos de players com os quais você pode começar.

A democratização dos dados permite que você mesmo ou um usuário comum desempenhe essa função. No entanto, ter conhecimentos básicos sobre TI pode auxiliar a otimizar algumas tarefas.


Use a nuvem a seu favor

Trabalhar na nuvem traz uma série de benefícios: os dados podem ser acessados de qualquer local, sua implementação é mais barata e a segurança é muito mais confiável. Porém, o ideal é contar também com uma solução de armazenamento local.

Procure por uma solução que permita que a sua empresa aproveite por completo as funcionalidades da plataforma de big data. Atualmente, muitas empresas preferem uma configuração híbrida de nuvem e armazenamento local para atender às necessidades.


Realize a manutenção

Por se tratar de um processo que envolve tecnologia, a atualização é essencial, não só para as ferramentas escolhidas, mas também para os funcionários que atuam diretamente com o big data e aqueles que são impactados pelas informações coletadas.

Dessa forma, você poderá garantir a qualidade do conteúdo, da segurança, das decisões estratégicas, da operação e da satisfação do cliente, o que, consequentemente, fará a diferença para o seu negócio prosperar.


Apresentando os dados

Para fazer com que a informação gerada seja facilmente compreendida, é essencial pensar em uma forma de apresentá-la. Na maioria das vezes os recursos visuais são os mais utilizados.

O desafio, no entanto, é entender como usar tabelas e gráficos com diferentes estruturas, formatos, tamanhos, cores e fontes para exibir o volume de informações que você precisa apresentar. Para isso, conte com ferramentas como Microsoft Power BI, Tableau e bibliotecas Java Script.


Não deixe de realizar uma auditoria

A auditoria de contas tradicionalmente não é realizada em processos tecnológicos, porém, ela pode e deve fazer parte do big data. Ela deve ser entendida como um processo pontual, capaz de solucionar um problema específico ou apoiar uma determinada fase de um projeto.

Além disso, a auditoria está relacionada à segurança regulatória das empresas, uma exigência para diversos negócios e para diversas áreas de atuação de uma mesma empresa. Assim, será possível controlar e aprimorar de forma contínua as áreas envolvidas com o processamento de informações.

5 tecnologias que estão mudando o comportamento dos consumidores.

O surgimento do computador pessoal e do telefone celular na década de 1990 e o smartphone nos anos 2000 são algumas das mudanças drásticas que o mundo dos negócios tem visto nas últimas décadas.

A tecnologia fez com que as empresas fossem dirigidas de forma diferente, estabelecessem novos pré-requisitos para o sucesso e influenciassem a maneira como os consumidores atuam.

No entanto, embora seja fácil apontar os benefícios da tecnologia, é importante entender porque a inovação é significativa e o que em grande parte não será relevante.

A previsão de padrões tecnológicos futuros e seu efeito nos consumidores é difícil, mas geralmente pode ser feito com um certo grau de precisão.

Esse processo começa com um “cone de incerteza” ou um gráfico que acompanha a expansão das capacidades tecnológicas.

Por exemplo, prever a viabilidade de carros sem condutor pode incluir uma lista de marcos importantes, como uma certa quantidade de testes, regulação governamental, atingir uma massa crítica de consumidores e quanto tempo cada um deles tomaria.

À medida que olhamos para o futuro, estas são as importantes inovações tecnológicas que são ou irão influenciar os hábitos do consumidor.


» Redes publicitárias em evolução

Google mudou o mundo da propaganda com a introdução de várias redes publicitárias digitais, mas o Facebook veio rapidamente e introduziu uma rede publicitária comparativamente poderosa.

Além disso, o crescimento gradual dos anúncios Snapchat e Instagram Ads oferece mais opções para os consumidores se envolverem.

Embora isso possa parecer inofensivo, as implicações para os consumidores são interessantes. Primeiro, essa mudança nas redes publicitárias indica uma mudança nos hábitos de busca do consumidor de quase totalmente o Google para uma divisão entre o Google e o Facebook.

Em segundo lugar, ilustra um fato mais importante: as empresas precisam entender seus meios de comunicação social e alinhar esses meios de comunicação com as preferências dos consumidores.

Um hiperlink azul no Google não atrai tanto quanto uma foto patrocinada no Instagram ou um vídeo patrocinado no Snapchat.



» Realidade virtual e realidade aumentada

Um dos maiores problemas com a VR/AR é que existe uma grande falta de conteúdo de qualidade e uma lacuna entre o preço para os consumidores e o valor que eles recebem.

Com o tempo, o preço vai diminuir, o conteúdo de qualidade aumentará e o valor começará a ter mais sentido para o público em massa.

Enquanto isso, algumas das principais oportunidades para as marcas se envolverem com os consumidores é através da criação de conteúdo VR e AR de alta qualidade, como a experiência VR da Nike, onde os espectadores podem sentir que são Neymar malabarista com uma bola de futebol com a Nikegrampos.

Pode se tratar de um novo geofiltro Snapchat ou de um vídeo musical virtual, o desenvolvimento de experiências virtuais pode dar aos seus consumidores uma nova experiência de consumo e eles já estão ansiosos por isso.


» Conteúdo de mídias sociais

Com o crescimento das mídias sociais, as pessoas começaram a agir, pensar e comprar de forma diferente. A capacidade de atenção de cada pessoa foi diminuída para menos de 8 segundos.

Simplificando, as pessoas agora são viciadas em consumidores de conteúdo de redes sociais e as marcas precisam entender como se encaixar nesse novo mundo social.

O sucesso nas redes sociais pode levar a grandes benefícios para a sua organização, como a Adidas viu nos últimos anos devido ao foco de transição de influenciadores atléticos para  influenciadores sociais  .

Para encontrar o sucesso das redes sociais, você precisa entender como tornar o conteúdo de alta qualidade possível para o consumo.

Este alinhamento entre seus consumidores e o conteúdo que eles desejam será crucial para a construção de um seguidor de marca para sua empresa.

Mesmo que você escolha não usar conteúdo de mídia social para publicidade, tome nota de como ele pode evoluir rapidamente aos gostos dos consumidores e como os produtos agora se enquadram nas mídias sociais.

As pessoas querem comprar coisas para mostrar em uma foto quadrada on-line e isso significa que as pessoas estão comprando de forma diferente do que eram há duas décadas.

 


» Otimização digital

Muitas pessoas escreveram sobre como os comerciantes podem criar o perfeito call-to-action, o que é cada vez mais difícil com a crescente complexidade dos sites das marcas e a crescente ubiquidade de pesquisa como a forma preferida de navegação on-line.

Bem, agora, cerca de 550 das maiores organizações do mundo têm a capacidade de criar domínios personalizados que incluem sua marca, usando domínios ‘.brand’ como:  www.blog.google  ou  www.summit.audi .

(Desde a última data para candidatura a um domínio .brand terminado há anos, qualquer nova marca pode ter que esperar até pelo menos 2020 para se candidatar a um desses novos domínios).

Uma vez que as marcas agora poderão utilizar melhor seu domínio como um chamado para ação, eles podem criar domínios mais curtos e significativos que criem caminhos mais simples para o conteúdo que normalmente é enterrado no fundo do site e que são apenas visíveis pela pesquisa.

Este é um meio imediato de encorajar a navegação de conteúdo direto e é uma oportunidade para desenvolver uma conexão mais profunda com os clientes.

A longo prazo, os clientes podem gravar o que eles estão procurando, seguidos pelo domínio .brand da organização que estão procurando e descobrir o conteúdo de forma rápida e fácil – evitando terceiros e criando um poderoso edifício de marca ferramenta para comerciantes.


» Chatbots

Todo mundo tem lembranças de se sentar em um telefonema com o serviço ao cliente por longos períodos de tempo enquanto se desloca entre as operadoras lendo um script ou mesmo ouvindo mensagens gravadas e digitando números extensos para ser atendido.

Com o surgimento do software de automação e especificamente os chatbots, as empresas agora podem se comunicar melhor com seus consumidores.

Isso significa que, nos próximos anos, os consumidores terão um aumento drástico da qualidade esperada do atendimento ao cliente das empresas e os problemas precisarão ser resolvidos efetivamente.

As empresas deveriam aproveitar esse tempo para preparar seus departamentos de relacionamento com o consumidor para garantir que tenham chatbots estabelecidos em redes sociais, linhas de atendimento de clientes, se necessário, e orientar o atendimento ao cliente como prioridade.

A tecnologia continuará a evoluir e os hábitos de consumo se ajustarão de acordo com  essa evolução, mas se você for capaz de acompanhar as tendências e como elas causam mudanças no comportamento do consumidor, você estará preparado para o longo prazo.

A Microsoft anuncia o fim do MSN, que será integrado ao Skype.

Recentemente a Microsoft confirmou o fim do Windows Live Messenger, também chamado de MSN, que após 13 anos de atuação terá os seus serviços integrados ao Skype, que foi adquirido pela empresa em 2011 por U$$ 8,5 bilhões.

O mensageiro instantâneo é o mais usado do Brasil, chegando a alcançar 96% dos internautas, Enquanto o Skype tem 4% da audiência dos usuários brasileiros, deixando pra trás os concorrentes, Google Talk com 0,5% e o modesto Yahoo Messenger com 0,3%.

Segundo os especialistas esse tipo de serviço está perdendo a popularidade, devido ao uso de outras ferramentas em Smartfones e tablets, e a maioria dos usuários buscam alternativas móveis para se conectarem. Além disso recursos de bate papo das redes sociais contribuíram para a queda no uso desses tipos de mensageiro.

A Microsoft diz que o “Skype oferece tudo em um único lugar” – como voz , vídeo e mensagens e incentiva os usuários a atualizar o Skype para ter tempo de se familiarizar com os novos recursos integrados, até que a empresa aposente de vez o MSN.


Tire suas dúvidas sobre o fim do Messenger
Quando será o fim do Messenger?
A Microsoft não definiu uma data certa, mais confirma que aposentará o serviço já no primeiro semestre de 2013.


E os meu contatos? o que acontecerá?
Quanto você realizar a atualização, eles vão estar disponível no Skype, que a partir de então passa a ser o principal

programa de mensagens instantâneas da Microsoft.


Como fazer a atualização?

Você deverá baixar a ultima versão 6.0 do Skype e fazer o login na página do programa com a sua conta do MSN e terá de volta os seus contatos.


E para quem já tem uma conta no Skype e outra no MSN?

Se você quiser, poderá unificar as duas contas, ficando assim apenas com uma lista. Quando entrar no Skype com suas credenciais do Messenger terá essa opção.


O que levou a Microsoft a acabar com o MSN?
A empresa investiu um alto valor no Skype e não fazia sentido manter os dois sistemas concorrendo entre sim.

Ainda mais depois que a febre das redes sociais dominou uma grande parte desse mercado.


Mais porque manter o Skype em vez do Messenger?

Segundo a Microsoft uma das razões é que além de oferecer os mesmos serviços do MSN, o Skype tem a opção de venda de créditos para chamadas telefônicas, gerando assim mais uma fonte de renda para a empresa. Além disso a companhia considera as chamadas de vídeo do Skype superior as do Messenger.


Conheça outras opções para enviar mensagens instantâneas     
Facebook 

A rede social que já alcançou mais de 1 bilhão de usuários tem além da ferramenta de bate papo para computadores o aplicativo móvel “Messenger” especifico para essa função.


Gtalk

Essa ferramenta é nativo do Gmail, mais conta com aplicativos móveis e um software gratuito para desktop.


Yahoo Messenger

Essa opção é nativo para usuários de Email do Yahoo e ainda conta com um software  para desktop.

Se você gostou deixe um comentário!

Saiba como ressuscitar o MSN Messenger.

Quando foi lançado em 2003, o MSN Messenger tinha o objetivo de desbancar o ainda existente e popular ICQ, e não demorou muito para que isso acontecesse, e ainda se tornou febre nacional, chegando a ser usado por mais de 90% dos internautas brasileiros.

Com o surgimento e a abrangência das redes sociais, mensageiros instantâneos como o MSN passaram a ter uma queda significativa no número de usuários.

Devido a facilidade muitos internautas optaram por utilizar apenas os bate-papos das redes socais, em vez de instalar mas um software na sua máquina como ocorre com o MSN.

Depois que a Microsoft que é a dona do MSN adquiriu o Skype, começaram a surgir indícios de que o Messenger estava  com os dias contados.

Tempos depois a Microsoft confirmou o que os internautas já esperavam. O MSN seria desativado e integrado ao Skype, como argumento a empresa alegou que os dois serviços realizam tarefas semelhantes e por consequência estavam concorrendo entre si.

Oficialmente no dia 30 de Abril de 2013 o Messenger foi “aposentado” deixando saudade aos seus usuários fieis. O Brasil foi o ultimo pais no processo de extinção dos serviços do MSN.

 Porém, como tudo na vida tem um jeitinho, já existe um programa de computador que promete trazer o MSN de volta, para a alegria dos seus usuários.

Com um software chamado Messenger Reviver desenvolvido por Jonathan Kay, especialista em Messenger, é possível reinstalar o programa e ter todos os seus contatos de volta, inclusive os que migraram para o Skype.

Isso só é possível porque na China a Microsoft ainda não desativou o MSN completamente e não pretende fazer isso até o final de 2014. Com essa brecha o Messenger Reviver consegue acessar os servidores que não foram desligados, alterando o modo de fazer logon nas redes da Microsoft e então liberando o acesso para o usuário.

Se você sente falta do Messenger, ainda tem essa chance de aproveitar os seus serviços até que ele se encerre por definitivo.

 Se você gostou deixe um comentário!

Deixe uma resposta Cancelar resposta



Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Microsoft lança atualização e traz de volta o botão inciar para o Windows 8.

Após sofrer varias criticas de usuários de seu sistema operacional, a Microsoft lançou uma versão de teste para o Windows 8, se trata de uma atualização gratuita já disponível para download.

A Versão final deve ser disponibilizada até o fim do ano.

Desde que foi lançado em 2012 a nova versão do sistema da Microsoft, vem sofrendo criticas, tanto dos usuários comuns, como da mídia especializada.

Consumidores alegam que o Windows 8 privilegia os dispositivos com tela sensível ao toque e deixa a desejar quando é o operado num computador comum.

Durante a apresentação da versão de teste do Windows 8.1, o presidente-executivo da empresa Steve Ballmer admitiu que o Windows 8 foi projetado para operar em dispositivos moveis, como os tablets e Smartphone.

O volume de reclamação por parte dos usuário, se dever também ao numero de licenças vendidas, já foram mais de 100 milhões.

Mas, o usuário que implorava pelo retorno do botão INICIAR, poderá ficar frustado ao realizar a atualização. Por que na verdade, o novo botão iniciar é apenas um atalho que direciona o usuário para a área de trabalho tradicional e melhora a busca por arquivos e aplicativos do sistema.

A nova versão traz também mudanças significativas, como a possibilidade de executar um maior numero de aplicativos simultaneamente. Na versão anterior esse número era limitado.

Segundo a Microsoft informou, a partir de agora será possível realizar atualizações automáticas dos aplicativos.

A atualização Windows 8.1, que trás o “falso” botão inciar, tem ao todo 2,5 GB e pode ser baixada gratuitamente neste enderenço – Faça o dowload do Windows 8.1 Pro Preview.

Se você gostou deixe um comentário.

Por que e como criar um blog?

Ter um blog não é mais uma questão de moda e sim uma importante forma de expressão não apenas pessoal, mas também das empresas. O WebSite X5 é uma excelente escolha para trabalhar na blogosfera.

A forma de expressão por meio dos blogs cresce cada dia mais e cada blogueiro tem uma maneira de escrever, alguns usam os blogs para compartilhar seus conhecimentos, para ensinar, dar dicas, outros para expor sentimentos e desabafos.

Alguns são mais técnicos ou didáticos, outros escritos de maneira clara e direta. Mas a finalidade é quase sempre a mesma; compartilhar informações com o mundo.

No mundo empresarial existem inúmeras razões para se criar um blog, como por exemplo, criar conteúdo e construção de credibilidade, atingir um público específico, concentrando-se em temas especializados do interesse do mesmo, exposição e visibilidade para uma marca, dando oportunidade de que se fale sobre ela, aumento nas vendas, mais tráfego, exposição e oportunidades, entre outras várias razões.

O blog empresarial é um cartão de visitas e uma excelente forma de interação direta entre uma empresa e seus clientes.

Mas nem todas as empresas contam com verba para contratar um serviço terceirizado que se
encarregue da criação do blog e da manutenção do mesmo ou tem funcionários com conhecimentos técnicos que possam criar um blog com um visual bacana e ao mesmo tempo profissional, mas sim pessoas que conhecem o produto ou serviço que oferecem e podem contar ao mundo suas mil e uma facetas, só precisam encontrar a via.

Neste caso, a melhor escolha seria o WebSite X5 Evolution 10, um programa que foi projetado para que qualquer pessoa possa criar facilmente e de forma profissional sites, lojas online e claro, blogs.

A criação de um blog com o WebSite X5 é simples, basta clicar em Blog nas configurações avançadas do quarto passo da estrutura para criação de sites em 5 passos do programa. Na aba de Postagens o usuário pode escolher o título e uma descrição do blog.

Também é possível definir o visual do blog na aba de layout e ativar os comentários dos leitores, os quais podem ser gerenciados online simplesmente visitando diretamente a página como Administrador, sem precisar abrir o programa.

Além disso, se os blogueiros quiserem também podem ter páginas estáticas que forneçam seus dados para contato ou mais informações sobre eles, que podem ser usadas para conectar ao blog.

Com o WebSite X5 é possível usufruir de todos os benefícios de um blog, criando grupos de
discussão, divulgando notícias com RSS feeds, compartilhando informações e ideias em redes sociais.

O blog poderá ser o espaço onde uma empresa se apresenta e decida quando e como publicar:
preparando artigos, fotos, vídeos e áudio.

Com o WebSite X5 pode-se criar um vínculo direto entre blog e aqueles interessados em saber sobre o tema do momento por meio do canal de noticias RSS Feed e a divulgação nas redes sociais.


Integração com as Redes Sociais
Com o WebSite X5 é fácil adicionar botões e caixas para redes sociais (Facebook, Twitter, Google+, Pinterest), assim os visitantes podem compartilhar o site em seus perfis. Um fantástico meio para divulgar, aumentar a popularidade de um website e ampliar horizontes.

WebSite X5 Evolution 10 é uma boa escolha porque funciona off-line, oferece muitos modelos prontos para se utilizar (ou se preferir, o usuário pode criar um novo modelo a partir do zero).

Sem falar que o programa conta com a possibilidade de criar uma loja online sem o apoio de serviços externos (muitos outros programas precisam) e inclui um pacote de hospedagem na web, gratuito durante o primeiro ano.

Para mais informações sobre o programa e os recursos da nova versão,visite >>>>>
www.websitex5.com/br, onde também está disponível uma versão gratuita do programa para teste e vídeos tutoriais, que explicam detalhadamente como criar um site com WebSite X5® Evolution 10.

Se você gostou deixe um comentário!

11 formas de aumentar o desempenho de um PC de jogos – 1ª parte

TuneUp demonstra aos gamers as formas mais eficientes para melhorar o desempenho de suas máquinas e tirar o máximo proveito delas durante uma partida.

TuneUp empresa dedicada à fabricação de software de otimização de PCs, continua revelando neste artigo os resultados obtidos nos testes realizados em seu laboratório, focados no âmbito dos jogos.

TuneUp se coloca à disposição dos gamers, não somente para demonstrar as formas mais eficazes para melhorar o desempenho dos seus computadores, sejam eles laptops de porte baixo ou médio, ultrabooks, tablets ou netbooks antigos, mas também apresenta as melhores recomendações para se alcançar o melhor desempenho do sistema durante uma partida:


1. Verificar os Drivers
TuneUp compartilha a importância de se manter os controladores atualizados para se conseguir uma rápida melhoria no desempenho do PC.

Não importa qual seja a placa gráfica, GeForce, ATI / AMD, Intel, o usuário deve sempre verificar as novidades e atualizações do fabricante antes de jogar os games mais recentes do mercado.


2. Desativar Programas
É um fato que o Windows se torna mais lento na medida em que se instalam programas. A atividade em segundo plano que se gera, muitas vezes afeta negativamente a experiência do usuário durante uma partida.

Com TuneUp Program Deactivator este efeito desaparece. Este ajudante inteligente desativa totalmente os programas enquanto estes não estão sendo usados e os ativa novamente quando são realmente necessários.

Desta forma, sem tarefas pesadas em segundo plano, o PC funcionará quase como se fosse novo, e os jogos serão executados mais rápido do que nunca. Na maioria dos PCs dos testes no laboratório, desativar toda esta atividade teve um efeito visível na melhoria do desempenho.


3. Fazer Overclocking do GPU, com cuidado
Os aumentos da velocidade do relógio do processador e do relógio da memória da placa gráfica podem ter um efeito significativo no desempenho do sistema durante a partida.

O usuário deve ter em consideração que o overclocking aumenta a pressão e a temperatura principalmente do hardware, e não somente da CPU ou GPU, portanto, se deve ter muito cuidado ao realizar esta tarefa.

Também se deve ter em consideração que o overclocking aumenta consumo de energia, o que pode ter um efeito prejudicial na vida útil da bateria.

Para fazer overclock da GPU, TuneUp recomenda o uso do GPU Tweak de ASUS. É compatível com uma grande quantidade de chipsets recentes e permite aumentar a velocidade tanto do relógio da GPU como o relógio da memória.

Também recomenda testar a utilidade do overclocking de EVGA Precision X para os chipsets móveis, como GeForce GT 650M. Os testes realizados com Unigine Heaven 4, resultaram em um aumento de 14 a 21 FPS depois do overclocking. No entanto, a melhoria no desempenho foi mais modesta.


4. Fazer um upgrade para SSD
Os discos SSD são infinitamente mais rápidos que os discos rígidos mecânicos. As velocidades de leitura e escritura são fenomenais e o desempenho também é melhor que o do disco rígido clássico.

Certamente isto não aumenta a velocidade de quadros (frames) do jogo, mas sem dúvida reduz os tempos de carregamento dos jogos e de seus materiais internos, tais como mapas ou novos níveis.

TuneUp testou os discos Samsung 840 de 250 GB e SanDisk Extreme de 480 GB, este último no PC de jogos Alienware X51. A melhoria no desempenho foi impressionante.


5. Atualizar a placa gráfica
Este passo é recomendado somente para os usuários de PC de sobremesa. TuneUp queria desfrutar de uma experiência gráfica completa mas não queria gastar mais de R$ 870 (300€), assim que optou pelo melhor investimento de acordo com esse orçamento: uma placa GeForce GTX 660 TI (versão de EVGA) com uns resultados super interessantes.

TuneUp demonstrou as 5 primeiras formas para conseguir uma experiência de jogo com mais fluidez. Caso queira descobrir mais truques de TuneUp Utilities 2013 e seu laboratório de testes não perca os próximos artigos para tirar o máximo proveito dos PCs de jogos ou entre no blog de TuneUp.

Se você gostou deixe um comentário!

Deixe uma resposta Cancelar resposta



Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


Cinco truques básicos que funcionam quando o PC precisa de uma faxina urgente

Por meio dos estudos e testes realizados no laboratório de TuneUp durante os últimos anos na campanha de “faxina no PC na mudança de estação” a empresa oferece os truques mais eficientes para todos os usuários.

TuneUp publica os resultados dos testes em seus laboratório e mostra as cinco dicas básicas mais eficientes ao alcance de todos os usuários para limpar os seus PCs.

Em apenas 15 minutos e com alguns cliques o usuário pode verificar quanto espaço em disco recuperar do seu PC, ultrabook, tablet ou laptop, com uma faxina simples.

Para testar a eficácia destes truques foram usadas três máquinas muito diferentes entre si:
Um PC para o jogo Alienware X51, que foi usado como um home cinema para reproduzir filmes em Blu-ray, um Tablet Samsung Series 7 com Windows 8 e um MacBook Air de 2011 com o Windows 8.

Todo o equipamento foi utilizado durante vários meses e o estado em que se iniciou o processo de limpeza foi o seguinte:

O PC Alienware X51 tinha um grande capacidade de disco rígido no qual ainda havia espaço suficiente, no entanto, notou-se uma perda progressiva de desempenho e fiabilidade nos últimos tempos. O Tablet Samsung Series 7 (64GB SSD) quase alcançou o limite de espaço disponível em disco, e até mesmo o MacBook Air, trabalhava com apenas 10 GB de espaço livre.

TuneUp disponibiliza os 5 truques básicos mais eficientes para limpar o seu PC

1. Desfazer-se de programas muito antigos para aumentar o desempenho do sistema
Para desinstalar programas que o usuário não precisa ou não são usados há anos, basta acessar a lista de aplicativos no painel de controle do Windows e clicar em “Desinstalar”.

No entanto, nem todos os programas podem ser identificados facilmente e não é fácil descobrir a última vez que este foi usado. Neste caso, a ferramenta TuneUp recomenda o TuneUp Uninstall Manager, na guia Otimizar sistema e logo em Desinstalar programas, onde o usuário obterá uma descrição mais amigável dos programas mostrando, entre outros detalhes, quando eles foram utilizados pela última vez. Esta limpeza também elimina os processos que atrasaram a inicialização do sistema.

2. Deixar hardware limpo
A limpeza física do equipamento deve estar entre as primeiras tarefas a ser realizar neste faxina. Eliminar poeira do interior da torre do PC, além dos ventiladores, e desengordurar o teclado do computador portátil é essencial para se ter uma máquina em ótimas condições.

Se os ventiladores acumulam muita poeira, não atingirão a velocidade de rotação (RPM), necessária para refrigeração, fazendo com que o CPU / GPU aumente sua temperatura. Normalmente este efeito provoca uma redução automática de velocidade para evitar o sobreaquecimento ou mesmo travar o sistema.

3. Utilizar uma ferramenta para limpar o disco de forma regular
Depois de um dia de uso regular do PC, laptop, netbook ou tablet, este terá acumulado uma tonelada de dados desnecessários.

TuneUp Utilities 2013 oferece duas novas ferramentas, o TuneUp Disk Cleaner e TuneUp Browser Cleaner, que não só apenas comprovam os arquivos temporários e desnecessários que o Windows acumula, mas também elimina os desperdícios de mais de 170 softwares populares.

No Tablet Samsung Series 7 este processo permitiu que o dispositivo respirasse novamente, liberando 2,4 GB de dados desnecessários e permitindo desativar o arquivo de hibernação, resultando em 3,2 GB de espaço livre.

4. Eliminar Apps grandes (somente no Windows 8)
Alguns dos novos aplicativos, especialmente jogos e aplicativos pesados de multimídia tendem a consumir espaço no disco. No entanto, quando a mensagem de pouco espaço em disco aparece, o Windows 8 não propõe de forma proativa quais os aplicativos que o usuário pode apagar e que roubam grande quantidade de espaço no disco.

Estes podem ser encontrados acessando: Configurações na barra direita da tela, Mudar configurações do PC, em seguida, Geral, onde irá encontrar um botão que diz Ver tamanho de aplicativos.

No MacBook Air foram encontrados diversos jogos, que ninguém mais jogava, ocupando uma grande quantidade de espaço e muitos apps desnecessários resultando em 2.9 GB liberados.

5. Eliminar os dados desnecessários acumulados no iTunes
iTunes é o aplicativo de uso diário para a sua música, séries, filmes, aplicativos e podcasts. No entanto, tudo isto pode ocupar muito espaço no disco.

Para manter a pasta do iTunes impecável, o usuário deve eliminar podcasts antigos e colocar um limite de arquivos salvos, apagar músicas duplicadas, filmes e seriados vistos e esquecidos, se desfazer de aplicativos desnecessários (e suas cópias de segurança), limpar os caches de Álbum e revisar os backups redundantes de seu iPad, iPod ou iPhone.

Se você gostou deixe um comentário!